fbpx
Conecte-se conosco

Educação

Convocacao Processo Seletivo SEDUC-Agente de Alimentação e Limpeza

Publicado

em

Edital n. 180/2021/SEGEP-GCP-Convocacao Processo Seletivo SEDUC-Agente de Alimentação e Agente de Limpeza e Conservação

 

BAIXE O EDITAL

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Educação

Decreto orienta retorno total de estudantes às aulas presenciais

Publicado

em

As escolas foram preparadas para o retorno das aulas presenciais

As instituições educacionais regulares da rede pública estadual retornam as atividades presencialmente, seguindo os percentuais de ocupação das salas, observando o contexto em cada município e as medidas de biossegurança. A definição é apresentada no artigo 1º do novo Decreto Estadual nº 26.462, publicado pelo Governo de Rondônia, que dispõe sobre o retorno às aulas presenciais nas redes de ensino público estadual, e que passam a vigorar nesta segunda-feira (18).

Somente estarão dispensados os estudantes com doenças graves (comorbidades), atestadas em laudos médicos. 

No total, conforme anunciado pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), 195 mil estudantes estão matriculados na Rede Estadual de Ensino, dos quais 48 mil (25%) cursam os 2º, 5º, 6º e 9º anos do ensino fundamental, e 3º ano do ensino médio, retornaram às aulas presenciais durante o primeiro chamamento, no dia 9 de agosto.

Segundo definido no novo decreto, as instituições de ensino devem elaborar e executar o plano de contingenciamento com estratégias capazes de mitigar a possibilidade de infecção no ambiente escolar, assim como realizar a identificação precoce de casos suspeitos e/ou confirmados da covid-19 em estudantes, professores e demais trabalhadores da instituição.

Cada instituição de ensino deverá notificar à vigilância epidemiológica municipal a ocorrência de surtos, avaliando inclusive, a suspensão temporária, total ou parcial das aulas, se necessário.

Para um retorno seguro e sem aglomerações, todas as escolas devem adotar na íntegra seus planos de contingência, estabelecendo regras de prevenção e segurança sanitária, de acordo com atos normativos do Ministério da Saúde (MS), Agência Estadual de Vigilância em Saúde do Estado de Rondônia (Agevisa) e Secretaria Estadual de Educação (Seduc).

As unidades de ensino deverão promover ações de educação em saúde de forma permanente, promovendo à adesão de alunos, professores e demais trabalhadores aos protocolos sanitários estabelecidos na instituição e estratégias junto à rede Municipal de Saúde para que se amplie a oferta da imunização para a covid-19 em ambiente escolar, realizando busca ativa daqueles ainda não imunizados ou com a 2ª ou 3ª dose em atraso.

Suspensas desde março de 2020, por causa da pandemia do coronavírus, o reinício das atividades faz parte da execução do Plano de Retorno, elaborado pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em cooperação com os órgãos de controle e outras entidades públicas e civis organizadas.

O Governo do Estado apresentou algumas considerações para definir o retorno das aulas presenciais, como a recuperação de aprendizagem dos alunos, a eficácia de medidas de biossegurança, o baixo índice de ocupação de leitos de UTI e o avanço das vacinações dos professores e demais grupos estabelecidos no Plano Nacional de Vacinação.

UM MILHÃO DE MÁSCARAS

O Governo de Rondônia distribuiu mais de 1,2 milhão de máscaras para uso obrigatório nos estabelecimentos de ensino, bem como definiu em conjunto com a Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa) e a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), formas de controle dos protocolos sanitários durante o percurso de ida e volta dos alunos, além de outras medidas presente nos Planos de Retorno e de Operacionalização, disponibilizados pela Seduc.


Fonte
Texto: Abdoral Cardoso e Paulo Ricardo Leal
Fotos: Ananda Carvalho
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Educação

Professores se reinventaram durante a pandemia

Publicado

em

Muitos professores precisaram aprender a expandir conhecimento por meio da tecnologia

Foi aos 45 anos de idade, em 2005, que Leane Perin concluiu a graduação em Biologia e imediatamente foi atrás de cumprir mais um, entre diversos objetivos, tornar-se professora. No ano seguinte, foi aprovada pelo Governo de Rondônia em um processo seletivo como professora emergencial e, em 2008, tornou-se professora efetiva do Estado após aprovação em concurso.

A professora Leane trabalha na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Celso Ferreira da Cunha desde 2006, no Riozinho, distante cerca de dez quilômetros de Cacoal. Nestes 15 anos lecionando na escola, em boa parte deles, a docente contou com o transporte escolar para fazer o trajeto de chegada à escola.

Professora da Mediação Tecnológica, com a pandemia da covid-19, Leane e o esposo preferiram deixar a cidade para  ficarem mais isolados e seguros na chácara do casal, há quatro quilômetros da escola. Com o avanço da tecnologia, mesmo na área rural, a professora consegue manter o contato com os alunos, ministrar aulas e repassar as atividades. “Alguns alunos não têm acesso à internet, para estes, eu imprimo conteúdos extras e as atividades e levo até à escola, para que eles possam ter acesso”, conta a professora.

Pelo menos duas vezes por semana, Leane vai até a unidade escolar e fica à disposição para que os alunos possam esclarecer eventuais dúvidas e também avaliar os metodos de ensino adaptado.

“Quando a pandemia estava mais séria, as aulas eram apenas remotas, com auxílio do classroom e do aplicativo de mensagens WhatsApp. O dia inteiro eu estava em contato com meus alunos, por mais que estivéssemos distantes fisicamente”, explica a professora

A educadora conta que, infelizmente, muitos alunos desistiram da escola nesse período mas agora, o atendimento presencial, tem conseguido reverter isso. “O contato presencial faz toda a diferença. Muitos alunos não tem internet e isso dificultou as aulas ao longo da pandemia. Mas agora, com a possibilidade de ter essa aproximação, de recebê-los no estabelecimento de ensino, eles voltaram a demonstrar interesse. Resgatei alguns alunos, vindo à escola e estabelecendo esse contato presencial”, destaca.

AULAS PRESENCIAIS

Em Rondônia, as aulas presenciais estão suspensas desde março de 2020 por causa do estado de calamidade pública causado pela pandemia do coronavírus. Por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em cooperação com os órgãos de controle e outras entidades públicas e civis organizadas, o Governo de Rondônia elaborou um Plano de Retorno para as aulas presenciais e em agosto deste ano. Ao menos, 48 mil estudantes, dos 195 mil matriculados na Rede Estadual de Ensino retornaram, às atividades presenciais.

Leane tem atendido alunos presencialmente para sanar dúvidas

Mas o retorno acontece de forma gradual. Na Escola Celso Ferreira da Cunha, onde a professora Leane ministra aulas de Ciências e Biologia, todas as turmas do Ensino Fundamental e do 3º ano do Ensino Médio, já tiveram a opção de retornar às aulas presenciais, mas a comunidade escolar optou por manter as aulas remotas.

Uma decisão que tem sido respeitada. Para os alunos que continuam em casa, o Governo do Estado segue disponibilizando as aulas on-line, tornando híbrido (presenciais e não presenciais para os estudantes) o processo de ensino-aprendizagem em Rondônia.

Sobre essa nova experiência na Educação, a professora Leane diz que foi preciso se reinventar. “Nunca imaginei, que no auge dos meus 60 anos, eu precisaria viver uma mudança tão significativa, mas com a necessidade, a gente vê que consegue ir muito além. Hoje eu ministro minhas aulas junto aos meus alunos, pela tela de computadores e de celulares. Exerço o magistério de uma forma que antes, para mim, era algo que estava apenas na imaginação”, emocionasse a professora.

INVESTIMENTOS NA ESCOLA

Neste ano, Leane e outros professores que atuam na Mediação Tecnológica foram contemplados com aparelhos de notebooks adquiridos pelo Governo de Rondônia. Em Cacoal, a Mediação foi implantada na escola Celso Ferreira da Cunha e também nas escolas Cruzeiro do Sul e Pedro Alvares Cabral, na área rural.

Além dos notebooks enviados para atender os professores da Mediação Tecnológica, a Escola Celso Ferreira da Cunha recebeu neste ano, 22 aparelhos de ar condicionado. No último ano, com um investimento de R$ 93.444,95, a unidade escolar também ganhou um refeitório, com cozinha e toda a estrutura necessária para atender ainda melhor os alunos.

Investimentos feitos pelo Governo de Rondônia tornam a hora do lanche um momento ainda mais feliz na Escola Celso Ferreira

Fonte
Texto: Giliane Perin
Fotos: Giliane Perin
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Educação

Lista de Convocados do proc seletivo SEDUC-Agente de Alimentacao em Alta Floresta

Publicado

em

O Superintendente Estadual de Gestão de Pessoas, Senhor Silvio Luiz Rodrigues da Silva, no uso de suas atribuições legais, considerando os termos do Ofício n. 12172/2021/SEDUC-GPASO (0021242228), constante do Processo SEI n. 0029.351002/2019-64, bem com a ampliação do quantitativo de vagas, realizada através do Edital n. 177/2021/SEGEPGCP, retificado através do Edital n. 178/2021/SEGEP-GCP, constantes do Processo (0029.264356/2021-94), e ainda vagas remanescentes referentes à quinta convocação, torna público a sétima convocação de candidatos Técnicos Educacionais Nível II/Agente de Alimentação e Agente de Limpeza e Conservação, abaixo relacionados, para a assinatura de contrato temporário para atender as Unidades Estaduais de Ensino, em referência ao Processo Seletivo Simplificado SEDUC, regido pelo Edital n. 180/2019/SEGEP-GCP, homologado através do Edital n. 204/2019/SEGEP-GCP.

Os candidatos deverão enviar a documentação constante do item 3, visando a assinatura de contrato temporário, de forma remota, conforme as orientações iniciais constantes dos itens 2, 3 e 4, deste Edital, no período de 18/10/2021 a 27/10/2021, prazo improrrogável.

Para mais informações ligue: 9 9378-4647 – WhatsApp  ou 3641-2555


Baixe a lista completa para outras cidades

Continue lendo
--Publicidade--

Ultimas Notícias

--Publicidade--

Publicidades

Agronegócio

Policial

Internacional

Tendências

%d blogueiros gostam disto: