Conecte-se conosco

Economia

Petrobras anuncia redução de 4% no preço da gasolina

Publicado

em

A Petrobras anunciou, nesta quinta-feira (30), uma redução de 4% no valor da gasolina nas refinarias. O impacto por litro será de R$ 0,0692, de forma linear para todos os polos. A estatal não mexeu no preço do diesel.
Desde 7 de maio, a companhia vem aumentando o valor da gasolina praticamente uma vez por semana. Essa é a primeira redução desde então. Antes do próximo reajuste, o valor acumulava queda de mais de 10% no ano.
Em 2020, foram 22 reajustes no valor da gasolina comercializada nas refinarias para as distribuidoras do combustível. O 23º entrará em vigor amanhã. Do total, foram 10 aumentos e 12 reduções, sendo a retração anunciada hoje a 13ª queda no valor.
Em Brasília, é possível encontrar gasolina nas bombas por menos de R$ 4.
Fonte: Diário de Pernambuco

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Destaques

Investimentos no combate ao Covid-19 podem resultar em rombo de R$ 812 bi aos cofres do gov. Saiba Mais

Publicado

em

Por

O secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues Júnior, afirmou que os gastos do setor público para o enfrentamento da pandemia podem resultar em um déficit primário de R$ 812,2 bilhões neste ano. O valor, segundo ele, corresponde a 11,3% do Produto Interno Bruto (PIB). O resultado é considerado o mais alto já registrado pela série histórica de acompanhamento do índice. 

De acordo com o Ministério da Economia, as projeções levam em conta uma queda de 4,7% do PIB em 2020. Pelo balanço, apenas o governo central terá uma dívida bruta correspondente a 94,7% da soma das riquezas do País. Em 2019, a taxa chegou a 75,8%. Waldery, no entanto, acredita que o impacto na economia seja contido até o final do ano. 

Os detalhamentos sobre os gastos relacionados à pandemia foram repassados por integrantes da equipe econômica do governo aos parlamentares da comissão mista que avalia os impactos financeiros da Covid-19. As despesas devem atingir a marca de R$ 505 bilhões. 

Auxílio Emergencial ajuda a baixar pobreza extrema no Brasil

TCU faz análise do impacto da pandemia sobre os direitos previdenciários

Entre ações que envolvem esses gastos, o secretário especial de Fazenda destacou a ajuda financeira a estados e municípios, que deve somar R$ 60, 2 bilhões até o fim de 2020. Até o momento, metade do dinheiro já foi repassado. Também foi feita uma complementação de R$ 16 bilhões para os fundos de participação dos estados e dos municípios (FPE e FPM).

Fonte: Brasil 61

Continue lendo

Destaques

Super promoção fecha Mês no Supermercado Tradição, quinta/sexta e sábado

Publicado

em

Por

Continue lendo

Destaques

Petrobras aumenta preço do gás de cozinha em 5% nas refinarias

Publicado

em

Por

A Petrobras vai reajustar  os preços do gás de cozinha (GLP) em 5% em média a partir de quinta-feira, em suas refinarias e bases de distribuição. O reajuste é válido para todos os tipos de consumo, como o residencial nos botijões de 13 quilos, e também para a indústria e comércio.

Esse é o quarto reajuste nos preços do GLP nas refinarias neste ano. O último também foi de 5%, em 19 de junho último. No início do ano, com a queda dos preços do petróleo, a Petrobras fez quatro reduções de preços do produto.

De acordo com fontes técnicas, o GLP ainda acumula uma redução da ordem de 4% em seus preços nas refinarias. A Petrobras  vem aumentando os preços dos seus combustíveis nas refinarias quase toda semana acompanhando  a elevação das cotações do petróleo no mercado internacional.

Nesta quarta-feira o petróleo está sendo  negociado a US$ 44,25 o barril, depois de ter sido cotado abaixo dos US$ 20 em abril  último. Já o WTI, negociado nos Estados Unidos, tem cotação de US$ 41,83,  depois de chegar ao terreno negativo no auge do isolamento social por conta da pandemia.

Os preços do GLP no mercado são livres, assim como os dos demais combustíveis, e cada distribuidor e revenda tem liberdade de fixar os valores de venda. Desde o início do ano os preços do GLP vêm se mantendo na faixa de R$ 69 a R$ 70 por botijão de 13 quilos.

De acordo com especialistas do setor, o aumento no consumo doméstico, influenciado pelo isolamento social dos últimos meses, teria contribuído para manter a demanda aquecida e os preços estáveis.

Fonte: O Globo

Continue lendo
--Publicidade--
--Publicidade--

Publicidades

--Publicidade--
--Publicidade--

Tendências

Copyright © 2020 Portal de Notícias Floresta Notícias. Todos Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: