Conecte-se conosco

Economia

URGENTE: CNM e entidades municipalistas vão se reunir com Paulo Guedes neste domingo

Publicado

em

Neste domingo, 29 de março, o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Glademir Aroldi, e os presidentes das entidades estaduais de Municípios vão se reunir com o ministro da Economia, Paulo Guedes, virtualmente, para debater ações que podem minimizar os efeitos do novo coronavírus (Covid-19) aos cofres municipais. A reunião terá início às 12h30 e será transmitida, ao vivo, pelas redes sociais da CNM, pelo FacebooYoutube.

Após a reunião, prevista para acabar às 14h, o presidente da CNM, estará disponível, para atender os jornalistas em uma coletiva de imprensa. Glademir Aroldi falará das pautas que a entidade espera que o governo atenda para viabilizar a gestão por parte dos prefeitos em todo Brasil.

Para participar, os jornalistas podem enviar perguntas pelas redes sociais e elas serão respondidas pelo líder do movimento municipalista, em seguida.

Mais informações em imprensa@cnm.org.br.

--Publicidade--
Clique para comentar

Deixe seu comentário

Destaques

CAIXA abre 18 agências em Rondônia neste sábado (30) para pagamento do auxílio emergencial

Publicado

em

Por

Data marca o início do calendário para pagamento em espécie aos beneficiários nascidos em janeiro

A CAIXA vai abrir, neste sábado (30), de 8h às 12h, 18 agências em Rondônia para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial que receberam a primeira parcela até 30 de abril, nascidos em janeiro e que queiram fazer o saque em espécie do benefício. A partir desta data, também será possível a transferência do benefício para contas da CAIXA ou de outros bancos. Em todo o país serão 2.213 unidades abertas.

Antes de ir a uma agência, os clientes devem consultar as unidades que estarão abertas em sua localidade: www.caixa.gov.br/agenciasabado

Continua à disposição do beneficiário a possibilidade de movimentação do recurso pela Poupança Social Digital. Desde o dia 20 de maio, já foram creditadas 31 milhões de contas para pagamento da segunda parcela, totalizando R$ 20,3 bilhões.

Confira as 18 agências da CAIXA que irão abrir neste sábado em Rondônia:

– ARIQUEMES – SETOR 01 – AL IPE, 1907;
– BURITIS – SETOR 02 – R THEOBROMA, 1471;
– CACOAL – CENTRO – AV PORTO VELHO, 2301;
– CANDEIAS DO JAMARI – UNIAO – R 21 DE ABRIL SN, SETOR 3;
– GUAJARA-MIRIM – TAMANDARE – AV DR MENDONCA LIMA, 1110;
– JARU – SETOR 2 – R FLORIANOPOLIS, 3020;
– JI-PARANA – CENTRO – AV MAL RONDON, 486;
– JI-PARANA – NOVA BRASILIA – R MANOEL FRANCO, 663;
– NOVA MAMORE – CENTRO – AV ANTONIO MATOS PIEDADE, 3476;
– OURO PRETO DO OESTE – JARDIM TROPICAL – AV XV DE NOVEMBRO, 316;
– PIMENTA BUENO – CENTRO – AV CASTELO BRANCO, 755;
– PORTO VELHO – AGENOR DE CARVALHO – AV JOSE VIEIRA CAULA, 4772;
– PORTO VELHO – CENTRO – AV CARLOS GOMES, 660;
– PORTO VELHO – NOSSA SENHORA DAS GR – RO AV NACOES UNIDAS, 271;
– PORTO VELHO – NOVA FLORESTA – R JATUARANA, 4569 QUADRA 73;
– PORTO VELHO – TANCREDO NEVES – R ALEXANDRE GUIMARAES, 7669;
– ROLIM DE MOURA – CENTRO – AV 25 DE AGOSTO, 5411;
– VILHENA – CENTRO – AV MAJOR AMARANTE, 3271.

Outros calendários:

Nesta sexta-feira (29), terminam os escalonamentos definidos para pagamento da segunda parcela aos beneficiários do Auxílio Emergencial que integram o Bolsa Família, contemplando 9,5 milhões de beneficiários, e para o pagamento da primeira parcela aos 8,3 milhões de pessoas que ainda não tinham recebido o recurso, totalizando R$ 5,3 bilhões. Mesmo após o encerramento desses calendários, os valores do auxílio continuarão disponíveis para recebimento.

Horário de chegada às agências:

A CAIXA reforça que não é preciso madrugar nas filas. Todas as pessoas que chegarem nas agências durante o horário de funcionamento, de 8h às 12h, serão atendidas. Elas vão receber senhas e, mesmo com as unidades fechando às 12h, o atendimento continua até o último cliente.

O banco fechou parceria com 1.190 prefeituras em todo o país para reforçar a organização das filas e manter o distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas. A triagem nas filas foi reforçada, de forma que aqueles que não estão na data respectiva de pagamento em espécie não permaneçam no local.

Cartão de débito virtual CAIXA

O beneficiário não precisa sacar o auxílio para transacionar o dinheiro. O aplicativo CAIXA Tem possibilita que o cidadão faça transferências bancárias e ainda pague contas, como água, luz e telefone, por exemplo.

Além disso, o app disponibiliza gratuitamente o cartão de débito virtual CAIXA. Com ele, é possível fazer compras pela internet, aplicativos e sites de qualquer um dos estabelecimentos credenciados. O cartão também é aceito em maquininhas autorizadas com a funcionalidade do cartão virtual de débito.

Para utilizá-lo, o beneficiário precisa gerá-lo. Para isso, o primeiro passo é atualizar o CAIXA Tem. Depois, entre no aplicativo e acesse o ícone Cartão de Débito Virtual. Ele é o último da tela inicial. Feito isso, o usuário deverá digitar a senha do CAIXA Tem. Em seguida, irá aparecer os seguintes dados: nome do cidadão, número e validade do cartão, além do código de segurança. Ao lado do código, é preciso clicar em “gerar”. Pronto. O cartão está disponível.

O código de segurança vale para uma compra ou por alguns minutos. Para realizar uma nova compra é preciso gerar um novo código. Até a última segunda-feira (25), foram movimentados R$ 719,2 milhões pelo cartão de débito virtual CAIXA.

Vale ressaltar que a prestação de informações sobre cadastro e pagamento do Auxílio Emergencial está disponível apenas por meio do aplicativo CAIXA | Auxílio Emergencial, do site auxilio.caixa.gov.br e da central telefônica exclusiva 111.

Mais informações:

twitter.com/caixa

facebook.com/caixa

instagram.com/caixa

youtube.com/user/canalcaixa

Continue lendo

Destaques

Mega Promoção FECHA MÊS HIPER POPULAR, vários produtos com ofertas IMPERDÍVEIS!

Publicado

em

Por

💥Mega Promoção FECHA MÊS HIPER POPULAR, vários produtos com ofertas IMPERDÍVEIS!

💥Preços Especiais somente à Vista. Não perca tempo, corra pra HIPER POPULAR, faça-nos uma visita e realize suas compras.

💥Promoção válida 25/05/2020 à 30/05/2020. WhatsApp: 99347-3249 Hiper para sua saúde Popular para seu bolso.

Confira as Promoções

Continue lendo

Destaques

BNDES anuncia suspensão de cobrança de empréstimos por 6 meses em razão do coronavírus

Publicado

em

Por

O BNDES anunciou neste domingo (22) a suspensão de cobrança de empréstimos por 6 meses em razão do coronavírus.

Serão atendidos com a ação setores como Petróleo e Gás, Aeroportos, Portos, Energia, Transporte, Mobilidade Urbana, Saúde, Indústria e Comércio e Serviços, num total de R$ 30 bilhões, sendo R$ 19 bilhões para as operações diretas e R$ 11 bilhões para indiretas.

O adiamento faz parte de um pacote de medidas, que inclui a injeção de R$ 55 bilhões na economia para reforçar o caixa de empresas e apoiar trabalhadores que enfrentam efeitos da crise. O valor equivale a quase o total de desembolsos do banco ao longo de 2019. O dinheiro será direcionado a 150 mil empresas, que têm 2 milhões de funcionários, segundo o banco.

“São quatro medidas que injetam R$ 55 bilhões no sistema financeiro brasileiro”, disse o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, em transmissão ao vivo pela internet. Além da suspensão dos pagamentos de empréstimos diretos e indiretos, também estão incluídas no pacote a transferência de R$ 20 bilhões do PIS/PASEP para o FGTS dos trabalhadores

Os recursos vêm da venda de R$ 22 bilhões de ações da Petrobras, em leilão realizado no dia 5 de fevereiro. Segundo Montezano, a ideia é “irrigar o bolso do trabalhador brasileiro”.

Micro, pequenas e médias empresas

Por fim, o banco destinará R$ 5 bilhões em crédito para micro, pequenas e médias empresas. Uma ação imediata é a ampliação da linha “BNDES Crédito Pequenas Empresas” com a expansão da oferta de capital para empresas com faturamento anual até R$ 300 milhões.

O limite de crédito por beneficiário passará de R$ 10 milhões para R$ 70 milhões por ano, colaborando com a necessidade de capital de giro das empresas. As empresas não precisarão especificar a destinação dos recursos. Os empréstimos terão carência de até 24 meses e prazo total de pagamento de 60 meses.

“Reconhecemos que o vírus tem que ser tratado com o devido cuidado – ele pode ser fatal para determinada camada da sociedade. Isso nos preocupa muito, a vida em primeiro lugar. Por outro lado, não perdermos emprego é muito importante. Assim sendo, essas medida são de extrema importância”, avaliou o presidente Jair Bolsonaro durante a transmissão.

Segundo Gustavo Montezano, do BNDES, o banco passou pelo o que ele chamou de revolução tecnológica, com a alteração dos sistemas operacionais – o que permite que 100% dos funcionários do BNDES trabalhem de casa.

Fonte: G1

Continue lendo
--Publicidade--

Publicidades

--Publicidade--

Tendências

Copyright © 2020 Portal de Notícias Floresta Notícias. Todos Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: