Home / Agricultura / Sedam alerta produtores para a prorrogação do prazo Cadastro Ambiental Rural

Sedam alerta produtores para a prorrogação do prazo Cadastro Ambiental Rural

O CAR dá acesso a créditos rurais junto ao sistema financeiro

Com a meta estadual de regularizar 120 mil produtores de Rondônia no Cadastro Ambiental Rural (CAR), o governo federal prorrogou o período para o cadastramento por mais um ano.  O prazo, que venceu no dia 31 de dezembro de 2018, foi estendido até 31 de dezembro deste ano, por meio da Medida Provisória 867/2018.

Segundo dados da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Ambiental (Sedam), 116.908 cadastros foram realizados e estão em fase de análise para validação. Desses, 1.600 propriedades já receberam a validação para continuar trabalhando na produção, e 13 mil produtores foram notificados quanto a pendências na documentação apresentada.

A adesão ao Programa de Regularização Ambiental não só deixa a situação das áreas de produção regularizada como gera acesso às linhas de crédito oferecidas pelo sistema financeiro voltado ao setor produtivo. Sem o CAR atualizado, os produtores rurais perdem a facilidade de financiamentos bancários.

Munidos de CPF, documentação da área e de posse que comprovem a propriedade, os produtores com situação pendente devem procurar os escritórios regionais da Sedam distribuídos pelo estado, e que realizam gratuitamente o serviço, ou escritórios regionais da Emater, que em parceria com a secretaria também tem realizado mutirões e atendido aos produtores com a abertura do processo sem cobrança de taxas.

Entre a abertura do processo de cadastramento e a finalização de análise e validação, o tempo é de cerca de 30 dias.

Fonte
Texto: Vanessa Farias
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

Comments

comments

pinheirao3
tudo_matecol
studiorsinfo
floresta_mt

Sobre floresta

Verifique também

Carro com placa de Rolim de Moura se envolve em grave acidente na BR 364

As 05 vítimas do acidente foram socorridas ao hospital de Ariquemes e em seguida levadas …

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: