Home / Noticias / Menina com deficiência visual é estuprada por 7 anos e denuncia estuprador

Menina com deficiência visual é estuprada por 7 anos e denuncia estuprador

Vítima decidiu denunciar homem após ser ameaçada de morte, segundo polícia. Homem fugiu após mãe da garota ir até a casa dele, em Porto Velho.

Depois de ser estuprada durante sete anos por um homem, uma adolescente de 15 anos, que tem deficiência visual, decidiu denunciar o estuprador à polícia de Porto Velho nesta terça-feira (7).

Segundo informações da Polícia Militar (PM), a menina contou que desde os 8 anos de idade vem sendo estuprada por um homem de 56 anos. Os abusos ocorriam quando o homem ficava responsável por levar a menina até a escola da capital.

Durante o trajeto escolar, o suspeito aliciava e levava a criança até a casa dele para poder estuprá-la um quarto. Nesta terça-feira, a vítima foi ameaçada de morte pelo abusador, caso não aceitasse o ato sexual.

Diante da ameaça, segundo a polícia, a menor decidiu revelar os abusos à irmã. Conforme a polícia, a irmã contou do crime para a mãe e as duas foram até a casa do suspeito, que imediatamente fugiu.

A polícia então foi chamada e uma guarnição se deslocou até a quitinete onde o suspeito mora, no Bairro Mariana.

No local, os agentes encontraram apenas a carteira de trabalho do suspeito, mas o homem de 56 anos não foi localizado.

A menina foi levada a uma delegacia da capital e agora o caso será investigado pela Polícia Civil. Segundo a polícia, a vítima também deve passar por exames de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML).

Fonte: G1/Ro

Comments

comments

pinheirao3
tudo_matecol
studiorsinfo
floresta_mt

Sobre floresta

Verifique também

Seguro DPVAT terá redução média de 63% em 2019

Maior redução será de 79% para ônibus, micro-ônibus e lotação com cobrança de frete: de …

Deixe uma resposta