fbpx
Conecte-se conosco

Saúde

Como ajudar uma clínica de odontologia a crescer?

Publicado

em

Todo empreendedor quer ver o seu negócio crescer e isso não é diferente quando se trata de uma clínica de odontologia. 

O que muitos empresários não sabem é, por exemplo, como implementar marketing odontológico de forma efetiva para que o seu negócio realmente conquiste mais clientes e prospere. 

Desde o ano passado, devido a pandemia de Covid-19, as pessoas estão passando mais tempo na internet em busca de produtos ou serviços. Isso é um fato. 

Logo, investir em marketing digital se tornou mais importante do que nunca para crescer qualquer tipo de empresa. 

Além disso, não importa o sucesso de sua prática odontológica, sempre haverá espaço para melhorias. 

Cuidados com o paciente e habilidades à parte, muitas vezes, uma clínica precisa de uma nova perspectiva sobre as estratégias de negócios e marketing que são cruciais para o seu crescimento. 

Vale dizer que a competição é acirrada no mercado de odontologia. Todo mundo precisa de atendimento odontológico, mas isso não significa que os pacientes possam encontrá-lo ou que escolham seu consultório de acordo com suas necessidades. 

Portanto, é fundamental que você encontre maneiras de se destacar, atingir seu público-alvo e manter sua base de pacientes atual. 

Quer saber como ajudar uma clínica de odontologia a crescer? Continue a leitura e confira as nossas dicas!

Dicas para crescer uma clínica de odontologia

Aqui estão algumas estratégias importantes e que poderão ajudar a crescer a sua clínica de odontologia. 

1. É hora de investir no digital

O consumidor de hoje usa a Internet para tudo. Se você não tem um site atualizado e confiável, está perdendo muitas oportunidades. Talvez seja a hora de investar na criação de sites.

Os pacientes mudam de consultório dentário quando têm experiências ruins, mudam de seguradora e muito mais. Portanto, certifique-se de que eles podem encontrar você! 

Seu site deve, no mínimo, ter informações sobre sua experiência e de seus fornecedores odontológicos, quais seguros você aceita, políticas de escritório, horário de funcionamento, serviços oferecidos e informações de contato.

Considere também a criação de biografias interessantes para sua equipe, assim você poderá criar uma conexão entre seu público-alvo – e atuais clientes – e seus colaboradores. 

Além disso, permita que os clientes agendem compromissos online. Dê acesso a formulários e registros por meio de um portal do paciente. Ter essas informações facilmente acessíveis aos pacientes indica que seu trabalho é organizado e relevante.

2. Incentive as avaliações online

Bem como acessam o site, os pacientes também utilizam a Internet para ver avaliações sobre sua clínica. Logo, é importante compreender qual é a sua reputação online e gerenciá-la de forma adequada.

No final de uma visita, incentive os pacientes a deixarem uma avaliação positiva no Google Meu Negócio

Alguns comentários serão orgânicos. Uma experiência positiva (ou negativa) pode levar o paciente a deixar um comentário, mas não custa nada perguntar!

Os pacientes que procuram por serviços odontológicos verificarão a sua classificação online. Se as avaliações forem negativas, ou se você não tiver nenhuma, é provável que o paciente em potencial procure pelo seu concorrente. 

3. Envie lembretes por e-mail e mensagem

Considere a implementação de um sistema de lembrete de texto (baseado em SMS ou WhatsApp) para que os pacientes se envolvam mais com a sua clínica.

Lembre-os de confirmar ou reagendar compromissos e enviar lembretes oportunos para agendar visitas regulares que, de outra forma, eles poderiam esquecer.

Quando os pacientes vierem para a próxima consulta, pergunte como eles preferem receber informações de lembrete – SMS, e-mail ou WhatsApp. 

Configurar as operações de comunicação digital do seu consultório não apenas o torna mais eficiente, mas também mostra aos pacientes que você é inovador e busca atender às suas necessidades além da sala de tratamento.

4. Inove cada vez mais

Por falar em inovação, o setor odontológico está em constante mudança. É melhor manter-se atualizado sobre as últimas tendências e práticas tecnológicas ou nomear alguém em seu escritório para manter essa pesquisa. 

Você pode usar a Internet para encontrar diferentes tipos de materiais. Pode ouvir webinars informativos ou participar de conferências online, por exemplo. 

Considere novas tecnologias, como sistemas de automatização de tarefas e ferramentas de envio de e-mails. Claro, não espere renovar sua prática de um dia para outro. 

Tente se concentrar em atualizar uma coisa de cada vez e promover os avanços que você está fazendo para seus pacientes. 

Isso aumenta a credibilidade e a confiança em seus cuidados e em seu compromisso com o avanço de seus conhecimentos.

Conclusão

Com as estratégias de crescimento que acabamos de citar, seu consultório odontológico poderá obter grandes resultados. 

A adoção de cada uma dessas dicas pode não ser viável, portanto, identificar algumas oportunidades que podem causar o maior impacto é um ótimo lugar para começar. 

Mantenha seu foco no objetivo final. Trabalhar duro agora pode gerar recompensas no futuro – clientes e referências mais leais, uma presença mais forte na indústria e na sua comunidade e receita maximizada.

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Saúde

EUA autorizam mix de vacinas e reforço para quem tomou Janssen

Publicado

em

No Brasil, o mix de vacinas já é adotado. Entretanto, a dose de reforço da Janssen ainda não foi definida.

A agência reguladora norte-americana (FDA, sigla em inglês) autorizou o “mix de vacinas” para a aplicação de doses de reforço contra a Covid-19. A prática é conhecida ainda como “intercambialidade” ou “vacinação heteróloga”.

A FDA também autorizou uma nova dose para as pessoas vacinadas com o imunizante da Janssen contra a Covid-19. A vacina, desenvolvida pelo braço de vacinas da farmacêutica americana Johnson & Johnson, é aplicada em regime de dose única.

As orientações foram divulgadas nesta quarta-feira (20) e confirmam as recomendações divulgadas por um comitê independente na sexta-feira. O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), órgão de saúde dos Estados Unidos, ainda deve oficializar as diretrizes no próximos dias.

No Brasil, o mix de vacinas já é adotado. Entretanto, a dose de reforço da Janssen ainda não foi definida. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) diz ter solicitado à fabricante estudos sobre o tema.

Regra vale para vacinas aprovadas

Em seu comunicado, a FDA esclareceu que “qualquer uma das vacinas contra a Covid-19 disponíveis [e aprovadas] pode ser administrada como dose de reforço heteróloga após a conclusão da vacinação primária”.

Além disso, apontou que “as pessoas elegíveis e os intervalos para que seja administrada a dose de reforço heteróloga são iguais aos autorizados para a dose de reforço da vacina utilizada para a vacinação primária”.

No caso da Janssen, como já tinha sido sugerido pelo comitê, o intervalo será de dois meses.

“Por exemplo, pessoas com 18 anos de idade ou mais imunizadas com a vacina da Janssen podem receber uma dose única de reforço do mesmo imunizante, da vacina Moderna (meia dose) ou da vacina Pfizer-BioNTech após um intervalo mínimo de dois meses”, detalhou a FDA.

Fonte: G1

Continue lendo

Coronavirus

Rondônia registra 191 novos casos e uma morte nesta quarta-feira (20)

Publicado

em

Teste clínico Covid-19 — Foto: Reprodução/TV Globo

Rondônia teve 191 novos casos registrados de Covid-19 e uma morte contabilizadas nesta quarta-feira (20).

Desde o início da pandemia, o estado tem 6.559 vítimas fatais da doença. No total, 268.187 pessoas já tiveram, ou ainda estão com a doença, desde março de 2020.

Os dados são do boletim das Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação (Setic) e Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

*Os dados de casos e mortes por Covid não foram divulgados entre os dias 1º e 5 de outubro.

Também foi informado que o estado tem:

  • Pacientes recuperados – 260.326
  • Casos ativos – 1.302
  • Pacientes internados – 67
  • Testes aguardando resultado do Lacen – 52

Vacinados

O boletim aponta que 1.151.379 pessoas tomaram a primeira dose de vacina contra Covid-19 em Rondônia e 690.817 se imunizaram com a segunda.

Fonte: G1/RO

Continue lendo

Coronavirus

Alta Floresta tem 51 pessoas com covid-19 e registra 07 novos casos nesta quarta feira

Publicado

em

O boletim epidemiológico nesta quarta-feira 20 de outubro, divulgado pela SEMSAU (Secretaria Municipal de Saúde), confirmou mais 07 casos de COVID-19 no município.

Confira os dados:

Casos notificados: 12.377

Casos confirmados: 4.208, sendo 4.091 curados, 51 em tratamento e 66 óbitos.

Casos suspeitos: 06

Casos descartados: 8.163

Suspeitos internados em tratamento hospitalar: 00

Suspeitos internados em UTI: 00

Confirmados internados em tratamento hospitalar: 00

Confirmados internados em UTI: 00

Fonte: Decom

Continue lendo
--Publicidade--

Ultimas Notícias

--Publicidade--

Publicidades

Agronegócio

Policial

Internacional

Tendências

%d blogueiros gostam disto: