fbpx
Conecte-se conosco

Política

Governo inaugura 1ª incubadora de empresas para auxiliar empreendedores

Publicado

em

O desenlace simbólico da fita inaugura a agência que impulsionará novos empreendedores em Porto Velho e no Estado

Em ato solene  na tarde de terça-feira (13), o Governo de Rondônia inaugurou a primeira incubadora e aceleradora estadual (Hub.RO), criada para dar origem a novos negócios (startups). Com recursos do Fundo de Desenvolvimento Industrial do Estado (Fider), o  Executivo Estadual investiu na aquisição de mobiliário, acesso à internet e aluguel do espaço com ambiente favorável à apresentação de projetos de novos empreendedores.

Iniciativa da gerência de ciência, tecnologia e inovação da Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), a Hub.RO foi instalada ao lado da agência do Programa Tudo Aqui, no térreo do Porto Velho Shopping, e começará as atividades nesta quarta-feira (14), das 10h às 22h.

Hub (centro) é um termo utilizado mundialmente para se referir a prestação de serviços com informações, soluções, ideias e demais apoios a empresários e empreendedores locais, donos de startups carentes de investimentos.

Inauguração da primeira incubadora de empresas foi destacada

O termo de abertura, com validade para 12 meses, foi assinado pelo governador Marcos Rocha; o diretor executivo da Semente Negócios e Finanças Ltda., de Porto Alegre, Márcio Jappe, vencedora da licitação, e gerente da Hub.RO; e o superintendente da Sedi, Sérgio Gonçalves da Silva.

INOVAÇÃO

No alto da sala, uma frase define essa alavanca da cultura empreendedora: “A criatividade é pensar coisas novas. A inovação é fazer coisas novas”, cujo autor é Theodore Levitt, alemão conhecido por Ted Levitt, grande estudioso e um dos maiores nomes de teóricos de marketing. 

“A partir desta quarta-feira, podem vir fomentar seus negócios; o ambiente é seguro”, convocou o superintendente da Sedi, que destacou a importância da incubadora para a população. “Agregamos várias especialidades a este empreendimento que contribui para o êxito de nossa economia”, disse o governador Marcos Rocha. “

A incubadora oferece infraestrutura, capacitação e suporte gerencial, orientando empreendedores a respeito de aspectos administrativos, comerciais, financeiros e jurídicos.

“Startups existem no mundo inteiro. Temos que pensar bem alto e com os pés no chão, para realizar os sonhos de nossa gente: Em outros locais do mundo dá certo, vamos também fortalecer nossas ideias”, disse o governador.

Governador Marcos Rocha ressalta a importância da Hub.RO

O governador Marcos Rocha estima cerca de 600 empresas interessadas em fomentar negócios em Rondônia e lançou o desafio: “Temos diversos órgãos de governo com ideias maravilhosas, e condições de fazê-las acontecer a partir daqui, aproveitando o potencial de jovens de qualquer idade dispostos a transformá-las em coisas grandes”.

Marcos Rocha destacou também a atuação da Sedi, que acompanhou o projeto desde o início, e também ao trabalho do superintendente Estadual de Orçamento e Gastos Públicos, Carlos Lopes, “pela manutenção do ambiente da HUB”;  da secretária Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social, Luana Rocha, “por também trabalhar para que as pessoas possam crescer”; da intérprete e tradutora de Libras (Língua Brasileira de Sinais), Núbia Lopes, e da imprensa, “por levar informações a todos”.

RECONHECER TALENTOS

“Estamos honrados e gratos em receber algo que tem toda conexão conosco: transformar pequenos e médios negócios em grandes empreendimentos; a parceria com o governo se consolida”, discursou o superintendente do Porto Velho Shopping, Cássio Ribeiro. 

“É um privilégio fazer parte desse processo que proporciona novos recursos a Rondônia, premiando seus talentos que haverão de cravar o nome deste estado no ambiente nacional de inovação”, disse Márcio Jappe, da consultoria Semente.

Agência no shopping funcionará das 10h às 22h para atender autores de projetos locais

“Em 2019, o governador Marcos Rocha lançava o Programa de Inovação do Estado, e o trabalho embrionário da rede de incubadoras começou, buscando-se modelos. Com a licitação nacional, veio essa empresa experiente, especializada, e certamente caminharemos para também figurar no mapa da inovação no País”, disse o titular da Sedi, Sérgio Gonçalves.

Ele garantiu ainda que “a juventude envolvida com games, caso tenha alguma boa ideia, agora tem chance de transformá-la em projeto e ganhar com isso”. 

Segundo ele, a proposta da Hub.RO visa à inovação tecnológica, gestão de núcleos de inovação tecnológica, gestão de núcleos de desenvolvimento e inovação ou equivalentes.

“Há trinta anos era outra a linguagem e hoje destaca-se moderna tecnologia, e eu quero lembrar que o governador se comprometeu a tirar Rondônia dos últimos lugares entre estados inovadores”, afirmou o titular da Sugesp, Carlos Lopes. 

Confira a galeria de imagens 


Fonte
Texto: Montezuma Cruz
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Política

Governo aprova expansão do Programa “Prato Fácil” para mais cinco municípios

Publicado

em

Famílias em situação de vulnerabilidade de Ariquemes, Cacoal, Guajará-Mirim, Ji-Paraná e Vilhena vão ser beneficiadas

Os proprietários de restaurantes dos municípios de Ariquemes, Cacoal, Guajará-Mirim, Ji-Paraná e Vilhena devem estar atentos ao regulamento do programa “Prato Fácil”, que em breve será expandido pelo Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas). O atendimento para a população destas cinco localidades foi aprovado pelo Conselho Deliberativo do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep), vinculado à Seas, em reunião.

O próximo passo agora será a publicação do edital para credenciamento dos estabelecimentos que atenderem à proposta do Governo de atender às famílias em situação de vulnerabilidade oferecendo alimentação saudável e a baixo custo.

As refeições serão ofertadas nas modalidades para viagem e consumo no local, como já ocorre na Capital. Têm direito famílias inseridas no Cadastro Único (CadÚnico) do Governo Federal, com renda de até três salários mínimos. No ato de recebimento da marmita ou prato é exigida documentação de cada beneficiário da família.

Em Porto Velho, o programa está sendo executado desde o dia 17 de maio em cinco restaurantes, com a oferta de 1.500 refeições diárias ao preço de R$ 2, cada. Em um mês foram 17.910 refeições ofertadas, subindo para 25.709, em dois meses, totalizando 43.619 refeições, de 17 de maio a 16 de julho.


Fonte
Texto: Veronilda Lima
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Política

Jaqueline Cassol garante recursos para cirurgias em Alta Floresta D´Oeste

Publicado

em

Os pacientes de Alta Floresta que aguardam uma cirurgia de catarata já podem comemorar, pois em breve o projeto Visão da deputada Jaqueline Cassol será realizado na cidade. A deputada destinou R$ 400 mil para a prefeitura realizar mutirão de cirurgias gratuitas e zerar a fila de espera.

Os recursos foram garantidos por emenda individual da deputada no Ministério da Saúde. “Nas próximas semanas o valor já estará disponível na conta da prefeitura”, afirmou a deputada.
O montante será utilizado para o pagamento de consultas pré e pós operatórias, medicamentos e nos procedimentos cirúrgicos.

Fonte: Assessoria

Continue lendo

Gov Rondônia

“Governo no Campo” vai ser lançado em Porto Velho nesta quinta-feira, 29

Publicado

em

Mais de 160 propriedades de Porto Velho serão beneficiadas com os serviços de mecanização do projeto “Governo no Campo”

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri) e Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) vai lançar nesta quinta-feira (29), o projeto “Governo no Campo” no setor Chacareiro, zona Leste de Porto Velho, com o intuito de fomentar a Agricultura Familiar pelos de serviços de mecanização agrícola e atividades correlatas no campo. Durante os próximos três anos, mais de mil produtores rurais serão beneficiados com o projeto.

A meta para 2021 do “Governo no Campo” é atender 15 municípios de Rondônia. Para esta primeira etapa será disponibilizado o valor de R$ 9.200.000,00 (nove milhões e duzentos mil reais), recursos próprios do Estado. Para 2022 será disponibilizado R$ 15.771.428,56 (quinze milhões, setecentos e setenta um mil, quatrocentos e vinte e oito reais e cinquenta e seis centavos) e, em 2023, mais R$ 15.771.428,56, totalizando R$ 40.742.857,12 (quarenta milhões, setecentos e quarenta e dois mil, oitocentos e cinquenta e sete reais e doze centavos) de investimentos.

Execução dos serviços nas propriedades de Porto Velho teve início na segunda-feira (26)

O projeto vai atender o município pelo período de 30 dias, 167 propriedades de produtores rurais que trabalham com a Agricultura Familiar. A execução dos serviços nas propriedades da Capital teve início na segunda-feira (26). O público-alvo do “Governo no Campo” são produtores da Agricultura Familiar, participantes dos programas governamentais como o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), Programa “Mais Calcário”, Programa “Plante Mais”, associações rurais, agroindústrias e cooperativas. A execução das atividades contará com a parceria dos municípios por meio de assinatura de termo de convênio que será firmado.

Os produtores serão contemplados com os serviços de cascalhamento de estrada, recuperação de vias particulares, utilizadas na produção, reparos em tanques de piscicultura, bebedouros e represas, limpeza de carreadores, capoeiras e aceiro de cerca, gradagem, construção de trincheiras e aterro de currais e transporte de mudas e insumos agrícolas.

Atividades serão acompanhadas pelas equipes da Seagri e Emater

Para a realização dos serviços nas propriedades, 23 maquinários foram locados pelo Governo do Estado, por meio uma empresa privada que será responsável pela execução dos trabalhos. Entre os maquinários estão dois tratores, oito caminhões basculantes, duas retroescavadeiras, duas motoniveladoras, duas pás carregadeiras, duas cavadeiras hidráulicas, um micro-ônibus, uma prancha para transporte de máquinas, um cavalo mecânico, um rolo compactador liso e um rolo compactador pé de carneiro. Todas as atividades serão acompanhadas pela equipe da Seagri e a Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater).

De acordo com o secretário da Seagri, Evandro Padovani, o “Governo no Campo” vai potencializar a produção da Agricultura Familiar e contribuirá com o desenvolvimento dos municípios, gerando emprego e renda à população.

“O principal objetivo do projeto é estimular o crescimento das atividades agropecuárias dos pequenos produtores rurais. Com os serviços nas propriedades, os produtores terão a oportunidade de revitalizar sua propriedade e fortalecer a escoação de sua produção, que é a nossa maior preocupação devido a dificuldade de acesso até as lavouras. Com o apoio do governador Marcos Rocha, vamos fortalecer nossa Agricultura Familiar e ajudar muitas famílias que sobrevivem do campo, além de combater o êxodo rural”, finalizou Padovani.


Fonte
Texto: Sara Cicera
Fotos: Rinkon Martins
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo
--Publicidade--

Ultimas Notícias

--Publicidade--

Publicidades

Agronegócio

Policial

Internacional

Tendências

%d blogueiros gostam disto: