fbpx
Conecte-se conosco

Policial

Jovem invade escola e mata três crianças e duas funcionárias no Oeste de SC

Publicado

em

rês crianças e duas funcionárias de uma escola infantil de Saudades, no Oeste de Santa Catarina, morreram após um ataque a faca nesta terça-feira (4). O assassino, um jovem de 18 anos, deu golpes contra o próprio corpo e foi levado em estado gravíssimo para um hospital da região após o crime.

O delegado regional de Chapecó, Ricardo Newton Casagrande, afirmou que o jovem entrou no local e atingiu as vítimas com um facão. Chamada Aquarela, a escola atende crianças de 6 meses a 2 anos.

As funcionárias eram professora e agente educacional da escola. Keli Adriane Aniecevski dava aulas na unidade havia cinco anos. Ainda não há mais informações sobre as outras vítimas.

De acordo com o 2º Batalhão da PM de Chapecó, que prestou apoio à ocorrência, a corporação começou a receber várias ligações de moradores e funcionários pedindo socorro por volta das 10h35. Segundo os relatos, um pessoa que entrou na escola estava golpeando alunos e professores com um facão.

A secretária municipal de Educação, Gisela Hermann, afirmou que as cenas no local eram de terror.

“Chegamos lá, uma cena de terror. Consegui entrar na escola. Tinha um cara deitado no chão, mas ainda vivo, uma professora morta, uma criança morta também. A sala estava fechada, não deixaram a gente entrar.”

O Corpo de Bombeiros foi ao local para isolar a área (veja fotos abaixo). O suspeito tentou suicídio após o ataque e precisou ser levado a um hospital de Pinhalzinho.

O município tem 9,8 mil habitantes e fica a cerca de 70 quilômetros de Chapecó, a maior cidade do Oeste catarinense, e a 600 quilômetros de Florianópolis.

Repercussão

A governadora do estado, Daniela Reinehr, decretou luto oficial de três dias.

“Manifesto profunda tristeza e presto minha solidariedade. Determinei que o Governo dê todo o amparo necessário às famílias”, escreveu a governadora em uma rede social.

O prefeito da cidade, Maciel Schneider, afirmou que todas as aulas foram canceladas nesta semana.

“É um momento muito triste na nossa pequena cidade. Colocamos todas nossas equipes para dar esse apoio, decretamos luto oficial, cancelamos todas as aulas essa semana. Colocamos nossas equipes de saúde [a disposição], psicólogos estão acompanhando as famílias”, afirmou.

“A gente nem sabe muito como agir. Também sou um gestor de primeiro mandato, de 35 anos, também tenho filho pequeno. Começa a passar um filme na cabeça da gente.”

Uma professora também foi ferida, segundo a Polícia Civil — Foto: Simone Fernandes/Arquivo Pessoal

Uma professora também foi ferida, segundo a Polícia Civil — Foto: Simone Fernandes/Arquivo Pessoal

Jovem invade escola e mata crianças no Oeste de SC — Foto:  Simone Fernandes/Arquivo Pessoal

Jovem invade escola e mata crianças no Oeste de SC — Foto: Simone Fernandes/Arquivo Pessoal

Segundo a Polícia Civil, o suspeito tem 18 anos. — Foto: Simone Fernandes/Arquivo Pessoal

Segundo a Polícia Civil, o suspeito tem 18 anos. — Foto: Simone Fernandes/Arquivo Pessoal

Fonte: G1/SC

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Policial

Esposas de militares fazem protesto em frente quartel da PM em Alta Floresta – RO

Publicado

em

Por

O objetivo que se busca com o movimento é de reajuste salarial já há muito tempo prometido pelo governo.

Um enredo que vem ganhando muito destaque em todo o Estado de Rondônia trata-se do movimento das esposas que cobram a valorização salarial dos maridos, que são policiais militares.

Logo no início da noite deste domingo (13), esposas de policiais militares fecharam realizaram  protesto em frete  a 2ª Companhia de Policia Militar de Alta Floresta D´Oeste-RO, localizado na Rua Piauí, Bairro Princesa Izabel, de forma pacífica, não impedindo a saída de viaturas para o serviço de patrulhamento e atendimento de ocorrências.

Desde a última quinta-feira (10), as esposas de policiais militares montaram acampamento em vários quartéis da PM.

O movimento das mulheres busca incentivar a negociação com o governo do Estado de Rondônia para que ele atenda às suas pretensões, isto é, o reajuste salarial de seus maridos que outrora fora prometido.

Está marcada para a próxima segunda-feira (14) uma reunião com representantes do governo, Ministério Público de Rondônia (MP-RO) e a categoria para tentar um acordo.

Fonte: www.190online.com

Continue lendo

Policial

Caseiro é sequestrado, torturado e executado com mais de 15 tiros

Publicado

em

Por

O caseiro de uma fazenda localizada no distrito de Jaci-Paraná, município pertencente a capital do Estado, Porto Velho (RO) foi torturado e morto com mais de 15 tiros. A vítima foi sequestrada por um grupo de criminosos, acusados de invasão de terras na região. Equipes da Polícia Militar e Polícia Civil foram ao local no sábado (12) e encontraram o corpo da vítima, identificada por Luan Felipe dos Santos Castro, de 20 anos.

Conforme informações pelo menos cinco criminosos chegaram até a fazenda por volta das 19h da noite da última sexta-feira (11). O bando, que estava fortemente armado rendeu e amarrou o caseiro, que estava próximo a um curral e logo em seguida foram para a casa da vítima, onde rendeu os familiares. Horas depois, através de graves ameaças e força física, os criminosos fugiram do local levando o caseiro.

No período da manhã de sábado, dia 12, a esposa da vítima conseguiu se libertar com a ajuda dos filhos, de 04 e 02 anos. Já por volta das 15h da tarde de sábado, o corpo de Luan Felipe foi encontrado na Linha 101, km 02, via de acesso ao distrito de União Bandeirantes. A vítima foi encontrada amarrada e amordaçada, com vestígios de tortura e executada com mais de 15 tiros, efetuados por armas do tipo pistola e calibre .12.

Polícia Militar e Polícia Civil foram até o local e realizaram diligências pela região. Uma ocorrência foi registrada e o crime continua sob investigação. 

Foto: Rondonia Agora

 Fonte: Alertarolim

Continue lendo

Policial

Urgente esposas de policiais militares fecham batalhão da PM em Rolim de Moura

Publicado

em

Por

As esposas dos policiais militares de Rolim de Moura decidiram fechar o quartel do 10 Batalhão da Polícia Militar em Rolim de Moura.

A manifestação pacífica ocorre devido a valorização dos profissionais da segurança pública policiais militares, no quartel da PM em Rolim de Moura apenas entram os militares para trabalhar, mas estão impedidos de saírem para patrulhamento e muito menos atender ocorrências na Rua.

Esta manifestação das esposas dos policiais militares estão ocorrendo em diversos municípios do estado de Rondônia. O motivo da manifestação é sobre o reajuste salarial dos militares de 24%, que ficou acordado de ser feito em três parcelas de 8%.

Após a promessa, o acordo não foi cumprido até o momento, então as esposas resolveram organizar o manifesto na frente dos quarteis. Na noite deste sábado (12), as esposas acamparam na frente do quartel de Rolim de Moura e impede a saída das viaturas, caso o governador não atenda ao pedido da categoria.

As manifestações estão ocorrendo em Rolim de Moura, Porto Velho, Vilhena, Cacoal, Ji Paraná e outros municípios. No entanto Rolim de Moura nesta noite não haverá policiamento ostensivo nas ruas, pois está bloqueada a saída do quartel da PM.

Fica um alerta a população que evitem ficarem nas ruas até tarde, andar com celular na mão,pois com esta paralização poderá aumentar os roubos.

Fonte Rondônia News

Continue lendo
--Publicidade--

Ultimas Notícias

--Publicidade--

Publicidades

Agronegócio

Policial

Internacional

Tendências

Copyright © 2020 Portal de Notícias Floresta Notícias. Todos Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: