fbpx
Conecte-se conosco

Topo

Vereador Jeremias defende população de Rolim de Moura do Guaporé

Publicado

em

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Policial

PC deflagra “operação coquetel” em rolim de moura, após roubo em Alta Floresta

Publicado

em

Na manhã desta quarta-feira, 04/07/2021, a Polícia Civil deflagrou a “Operação Coquetel”, desenvolvida para dar cumprimento a 11 medidas cautelares determinadas pelo Poder Judiciário de Alta Floresta D´Oeste/RO. No todo foram expedidos 5 mandados de prisão e 6 mandados de busca.

A operação foi desencadeada após a prática do crime de roubo, ocorrido no município de Alta Floresta, no dia 1º/05/2021, quando, por volta das 23:00 horas, três indivíduos, cada um com uma arma em punho, chegaram no Auto Posto Mais, anunciaram o assalto e renderam os dois funcionários, os quais inicialmente foram mantidos na loja de conveniência, onde funciona também o caixa.

Os criminosos exigiram que fosse aberto o escritório e o cofre, entretanto os funcionários não tinham as chaves, sendo que a porta do escritório então foi arrombada, mas o cofre não chegou a ser aberto.

Enquanto os criminosos praticavam o assalto, chegaram no local quatro clientes, os quais foram dominados sob a ameaça de arma e feitos reféns. De um dos clientes, foi subtraído o telefone celular e a importância de R$ 4.000,00. Foram subtraídos ainda cerca de R$ 1.500,00 em dinheiro que estava no caixa, bebidas, cigarros, pacote com dinheiro para troco, que estava no escritório, bem como pertences pessoais dos demais clientes e dos funcionários.

Posteriormente, foi esclarecido que os infratores chegaram em um veículo Fiat uno, cor branca, sendo que desembarcaram nas proximidades e chegaram no posto à pé. Após o crime, os três indivíduos foram até o veículo, onde dois comparsas os aguardavam, e se evadiram.

A operação recebeu o nome de “Operação Coquetel”, porque após a prática do crime, os criminosos, ao invés de retornarem para Rolim de Moura, onde moram, foram tranquilamente até um bar em Alta Floresta, comemorar o feito criminoso, o que revelou o tamanho da ousadia e frieza dos criminosos.

O esclarecimento da autoria contou com o fundamental apoio da Polícia Militar, que ao terem acesso às imagens, reconheceu os infratores, que eram conhecidos no mundo do crime, por suspeita de praticarem roubos em Rolim de Moura e Região. O Delegado Eduardo Calixto ressalta a importância do trabalho em união entre a Policiai Civil e Policiai Militar, sendo que quando agem em união, quem ganha é a sociedade.

As diligências foram cumpridas em Rolim de Moura, onde contou com o apoio do Delegado Regional Mario Henrique e do Diretor do Departamento de Polícia do Interior – DPI, Delegado Thiago Flores.

“POLÍCIA CIVIL, NA DEFESA DOS INTERESSES DO CIDADÃO E DA SOCIEDADE”

Fonte: Policia Civil para o Floresta Notícias

Continue lendo

Coronavirus

Rondônia ultrapassa 1 milhão de doses de vacinas aplicadas contra a covid-19

Publicado

em

O total de doses aplicadas até dia 3 de agosto é de 1.009.115, considera a aplicação da 1°dose (747.923) e 2º dose (261.192)

edição 501 do Boletim Covid, publicado na terça-feira (3), trouxe uma marca histórica para Rondônia. O Estado ultrapassou 1 milhão de doses aplicadas contra a doença. O avanço na imunização dos rondonienses é prioridade no Governo de Rondônia, por meio das ações estratégicas desenvolvidas pela Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa), e tem refletido na queda dos casos.

‘‘Essa marca de mais de 1 milhão de doses aplicadas no Estado de Rondônia é muito importante e expressiva, e demonstra a preocupação do Governo de Rondônia com a imunização dos cidadãos rondonienses. Fortalece nossa esperança de vencer os obstáculos criados pela pandemia que impactou inclusive as relações sociais e já vislumbramos voltar à normalidade. Estou muito feliz com essa conquista, é de se celebrar’’, afirma o diretor-geral da Agevisa, Gilvander Gregório de Lima.

O total de doses aplicadas até dia 3 de agosto é de 1.009.115, considera a aplicação da 1°dose (747.923) e 2º dose (261.192). Rondônia, assim como todo o país, conta com quatro tipos de vacina para o enfrentamento da doença: CoronaVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen (Dose única).

A Agevisa tem adotado, desde o início do recebimento da primeira remessa de doses, que ocorreu no dia 19 de janeiro, a celeridade na distribuição dos lotes aos municípios, que são os responsáveis pela aplicação das doses. A logística é bem planejada e a rapidez em fazer o produto chegar a população, justificada, diante do que representa para a sociedade.

‘‘A Agevisa recebe as vacinas, checa quantidade e qualidade, conserva nas temperaturas ideais, faz os lotes, prepara a logística e segurança do transporte, e entrega nas regionais. O produto é entregue na ponta da linha o mais rápido possível. Rondônia tem a quarta melhor gestão de logística do país em relação a covid-19. Agradeço a confiança do governador de confiar essa missão a Agevisa e o time Agevisa tem correspondido a altura’’, garante o diretor.

Coronel BM Gregório destaca as estratégias adotadas para acelerar a imunização dos rondonienses

AÇÃO CONJUNTA

O Ministério da Saúde, responsável pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, é quem compra e distribui os imunizantes para os estados.

Cada lote que chega a Rondônia é destinado primeiramente à Central Estadual da Rede de Frio da Agevisa, em Porto Velho, onde é dada a transparência aos recebimentos, e de forma ágil são destinados aos municípios, estes são os responsáveis por adotar estratégias para dar velocidade a imunização do público.

‘‘Um universo grande de pessoas trabalharam noite e dia para que alcançássemos essa a marca de mais de 1 milhão de doses aplicadas. Temos uma gratidão a todos os envolvidos nesta grande guerra, merecem nossos aplausos e reconhecimento. A imunização da sociedade é um desafio diante da extensão e singularidades de Rondônia, e os 52 municípios são colaboradores desta conquista’’, assegura o diretor.

ACELERAÇÃO

A meta agora é fazer com que a imunização alcance todos os rondonienses, e as expectativas são positivas diante da chegada frequente de mais lotes de vacinas ao Estado. A Agevisa, que já foi indutora da vacinação no Estado com o Plano Estadual de Vacinação, agora está trabalhando no Plano de Aceleração de Vacinação para dinamizar a aplicação das vacinas.

O diretor reforça a orientação à população que volte aos pontos de imunização, na data correta, para a segunda dose, completando assim o ciclo de proteção contra a covid-19. Ele pede para que o público fique atento à redução dos intervalos para a segunda dose. Em relação a AstraZeneca, a redução foi de 90 para 60 dias e a Pfizer de 60 para 45 dias.

O avanço na imunização tem refletido na queda de casos da doença no Estado. Duas unidades de atendimento de casos da covid-19, a de Assistência Médica Intensiva (AMI) e o Hospital de Campanha da zona Leste, zeraram o número de pacientes internados. A queda do números de internações no Estado é de 74% comparado ao pico de hospitalizações ocorrido há quatro meses. Desde o dia 19 de abril, não existem filas de espera por leitos de UTI no Estado.

As mortes decorrentes dessa doença também têm reduzido. A maior média móvel foi de 48 óbitos registrados em março. Atualmente, a média móvel é de oito óbitos. Desta forma, a média móvel diária de óbitos teve redução de aproximadamente 83,3%. Gradativamente, Rondônia está vencendo a guerra contra o vírus.


Fonte
Texto: Vanessa Moura
Fotos: Frank Néry
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Geral

Procon orienta sobre abusos de ligações de telemarketing

Publicado

em

Consumidor que se sentir importunado com ligações de telemarketing pode pedir o bloqueio na plataforma do Procon

O Programa de Orientação e Defesa do Consumidor de Rondônia (Procon) já está operando com uma nova plataforma que permite o bloqueio das ligações de telemarketing, que se constitui numa das principais demandas dos consumidores, pela impertinência e incômodo que geram com o excesso de ligações telefônicas para venda de produtos entre outros serviços.

De acordo com orientações do coordenador estadual do Procon, Ihgor Jean Rego, o consumidor que se sentir importunado pela ação do telemarketing pode acessar a plataforma https://procon.ro.gov.br/ e a partir dela fazer denúncia ou pedi o bloqueio das ligações, clicando em “Quero fazer o Bloqueio do Telemarketing”, que será direcionado à página com pedido de informações dirigidas.

Jean Rego explicou que sobre este serviço existe uma demanda relativamente grande, e foi baseado neste fato que o Procon inovou seus procedimentos operacionais com recursos da Tecnologia da Informação (TI) e abriu para o consumidor esta nova ferramental para facilitar a comunicação e dar rapidez à prestação de serviço. “Feito o pedido de bloqueio, a empresa terá 30 dias para adotar a providência, e se isso não ocorrer neste prazo, ela pode ser multada”.

Importa destacar que além do portal procon.ro.gov.br ou do endereço consumidor.gov.br que servem ao consumidor como suporte em suas necessidades de orientação e para fazer denúncias de abusos que sofreram, o Procon disponibiliza outros canais de comunicação (mais conhecidos) como o telefone 151 e o WhatsApp (69) 98491-2986, para auxiliar o consumidor em suas demandas.


Fonte
Texto: Cleuber Rodrigues Pereira
Fotos: Dandara Carvalho
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo
--Publicidade--

Ultimas Notícias

--Publicidade--

Publicidades

Agronegócio

Policial

Internacional

Tendências

%d blogueiros gostam disto: