Conecte-se conosco

Policial

Governo de Rondônia forma 85 novos sargentos do Corpo de Bombeiros Militar

Publicado

em

Formatura de Sargentos

O Governo de Rondônia, junto a Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), por intermédio do Corpo de Bombeiros Militar do Estado (CBM-RO) realizou hoje (20) a solenidade de formatura de conclusão do Curso de Formação de Sargentos do ano de 2020 no 1º agrupamento do CBM-RO. O curso, que teve início em maio, formou 85 alunos lotados em 5 polos do Estado, com solenidade realizada simultaneamente.

O total inicial era de 87 formandos, 44 de Porto Velho, oito de Ariquemes, oito de Ji-Paraná, 19 de Cacoal e oito de Vilhena. Mas dois tiveram a matrícula desligada ou trancada. Realizado na modalidade presencial, com carga horária de 656 horas, o curso de formação foi subdivido em quatros módulos, todas com avaliações presenciais.

A entrada do pelotão de formandos, que deu início a cerimônia, foi comandado pela aspirante a oficial BM Ana Paula, que tomou seu lugar de destaque frente à tropa ao som do “Hino céus de Rondônia”. Os familiares foram convocados para realizarem a entrega das divisas aos formandos.

Com objetivo de formar os profissionais com conhecimentos necessários ao desempenho de suas funções, o curso buscou transmitir aos alunos desenvolvimento de senso, de raciocínio lógico, extensão intelectual, estímulo ao espirito de disciplina, sem abrir mão, do relacionamento interpessoal com uma mentalidade cordial e justa aos subordinados e respeito aos superiores hierárquicos. Além disso, foi desenvolvido aprendizagem sobre leis, normas e regulamentos vigentes da corporação, bem como dedicação e responsabilidade nas missões e no pronto atendimento à comunidade.

A formanda Marcia Sales Cardoso Santos obteve a primeira colocação e recebeu das mãos do governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha a Medalha de Honra ao Mérito Intelectual. A outorga utiliza o cômputo da pontuação para efeito de promoção. Ainda, foram prestados honras militares ao governador, coronel Marcos Rocha, ao toque da corneta que seguiu com ordem de sentindo, da qual foi entregue uma estatueta representando o trabalho do Corpo de Bombeiros Militar.

Durante o momento da intercessão religiosa, o capelão Valmir Tognon Muniz agradeceu o dia de hoje e deixa uma mensagem aos alunos que tomaram posse das insígnias, com destaque para aqueles que dividiram seu tempo de trabalho e estudo com a família, ainda mais nesse momento difícil que é a pandemia da Covid-19.

“Chegar até aqui é um marco, que devemos celebrar com gratidão, fortalecimento, graça, amor e vigor. Vejo os senhores muito mais que homens ou mulheres fardados, vocês são sacerdotes que cuidam de vidas, pessoas vocacionadas para o serviço que fazem com tamanha grandeza, amor e fidelidade”, pondera o capelão.

O orador da turma, sargento Denis, relembra momentos memoráveis quando eram soldados, como as corridas pelo centro vocacionando, entre risos, agradece pela oportunidade que pode usufruir com os colegas de trabalho. “Aqui não é apenas uma formatura militar, aqui tem status único de conquista. Pois nunca mais seremos os mesmos, após de ter feito o curso por tudo que vivemos no últimos meses”, esclarece.

Na ocasião, o governador, coronel Marcos Rocha, fez questão de parabeniza os formandos pelo recebimento da divisa de sargento, mencionando o lema do CBM ‘Vidas alheias, riquezas a salvar’, ele comenta “Vê a formatura, é de muita alegria para mim. Estudar e de ter concluído esse curso tão dignificante, ainda mais à distância, apesar de muitas pensarem ser fácil, não é. Isto é um sinal de fortaleza e apenas um início, um degrau a mais na carreira”, pontua.

Para o comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar, coronel Gilvander Gregório de Lima também demonstrou contentamento com a conquista dos atuais sargentos que conseguiram chegar nesse nível pelo brilhante trabalho, garra e determinação. “Meus parabéns a todos e as famílias, vocês fazem parte da família sangue vermelho. Juntos somos e vamos ser mais eficazes, obrigada por proporcionar esse dia especial”, comenta.

No uso da palavra, o secretário da Sesdec, coronel José Hélio Cysneiros Pachá, animado, cumprimenta a todos por ter alcançado mais um patamar de mérito e destaque a determinação da gestão atual para fomentar a segurança pública do Estado. “O nosso governador é muito determinado em valorizar as corporações do Estado e por isso estamos comemorando aqui. O governo de Rondônia, por intermédio da Sesdec, não vai brilhar sem o brilho dos senhores. Estamos juntos na batalha contra o crime e salvar vidas”, destaca.

Após o término da formatura, o secretário da Sesdec, o comandante geral do CMB e demais oficiais se direcionaram ao pátio junto aos formandos para realização do ato final, seguindo a tradição, em que o caminhão de combate a incêndio lançou um jato de água sobre os militares durante flexão com punho cerrado. Encantado pela iniciativa das autoridades, “a palavra convence, mas o exemplo arrasta” foi citada pelo superintendente Estadual de Comunicação (Secom), Lenilson Guedes, durante a oração final da cerimônia.

Estiveram presentes na cerimônia de formatura o chefe do Estado maior do Comando Geral da Polícia Militar de Rondônia, coronel Vanderlei da Costa, o ex-comandante do CBM, coronel Farias, entre outras autoridades e demais oficiais, praças e convidados.Fonte

Secom – Governo de Rondônia

--Publicidade--
Clique para comentar

Deixe seu comentário

Destaques

PF deflagrou “Operação Êxodo”com o bloqueio que alcançam 6 milhões de reais

Publicado

em

Por

A Polícia Federal deflagrou, nesta quarta-feira (25/11/2020), a segunda fase da Operação Êxodo, com o bloqueio de valores que alcançam a casa dos 6 (seis) milhões de reais e a suspensão da atividade de 12 (doze) empresas madeireiras, investigadas por atuarem na exploração ilegal de produtos retirados de Terras Indígenas em Rondônia.

Além de tais medidas, também foi deferido pelo Juízo da 3ª Vara da Justiça Federal em Porto Velho/RO a prisão preventiva de um dos empresários investigados, uma vez que restou comprovado que, depois sua prisão na deflagração da Operação Êxodo e soltura dias após, voltou a cometer ilícitos ambientais, gerando riscos à ordem pública.

A Operação Êxodo foi originalmente deflagrada em 08/07/2020, com o propósito de combater esquemas criminosos de desmatamento e comercialização de madeiras extraídas de Terras Indígenas. Na ocasião, cerca de 90 Policiais Federais deram cumprimento a sete mandados de prisão temporária e 32 mandados de busca e apreensão, com diligências em diversas cidades de Rondônia, incluindo Vilhena, Chupinguaia, Espigão do Oeste, Ji-Paraná, Cacoal, Colorado do Oeste e Pimenta.

Essa sequência de trabalhos da PF busca desarticular organização criminosa dedicada à exploração ilegal de madeiras oriundas de Terras Indígenas de Rondônia, em especial da TI Tubarão-Latundê, no município de Chupinguaia/RO. Ao longo das incursões realizadas, houve apoio da Polícia Militar de Rondônia, IBAMA e FUNAI.

Verificou-se a prática reiterada de fraudes que buscavam dar aparência lícita aos produtos florestais explorados ilegalmente, realizando, além do desmatamento das áreas de preservação, diversos outros crimes, como inserção de dados falsos em sistemas, falsidade ideológica, lavagem de capitais e organização criminosa.

O dano ambiental apurado supera o valor de 50 milhões de reais, conforme laudo pericial, gerado a partir da retirada ilegal de madeiras nobres como Ipê, Peroba, Cerejeira, Jequitibá, Angelim e Sucupira, resultando no desmatamento de milhares de hectares de área da União.

O montante bloqueado é de cerca de 6 milhões de reais para cada uma das 12 empresas e para 7 das pessoas físicas investigadas, concomitante ao bloqueio de diversos bens. Houve, também, a suspensão das atividades empresariais pelo prazo inicial de 120 dias.

O combate aos crimes ambientais e a proteção às comunidades indígenas, expostas a risco em função da entrada irregular de pessoas, segue como prioridade para a Polícia Federal, que está disponível para o recebimento de denúncias nos telefones 69-3316-1600 (Delegacia de Polícia Federal em Vilhena/RO) e 69-3216-6225 (Superintendência de Polícia Federal em Rondônia).

Comunicação Social da Polícia Federal em Rondônia/RO

Contato (69) 3216-6242

         

Continue lendo

Policial

Homem é alvejado com disparo de espingarda na zona rural de Nova Brasilandia

Publicado

em

Por

Continue lendo

Policial

Urgente homem é encontrado morto com pescoço cortado na zona rural de Parecis

Publicado

em

Por

Segundo informações populares encontraram o cadáver caído com um corte profundo no pescoço apresentando ser um degolado.

caído em um local conhecido como “Pé de Galinha” zona rural de Parecis, RO.

A PM foi acionada e compareceu ao local, os policiais isolaram a cena do crime e aguardava a Polícia Técnica Científica de São Miguel do Guaporé para realizar os trabalhos de praxe.

Fonte: Rondonia News

Foto ilustrativa:

Viatura da Polícia Militar – Foto: PortalP1

Continue lendo
--Publicidade--

Publicidades

--Publicidade--

Tendências

Copyright © 2020 Portal de Notícias Floresta Notícias. Todos Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: