fbpx
Conecte-se conosco

Esportes

Pesca esportiva está proibida pelo novo Decreto 25.138 e sujeita à fiscalização da Polícia Ambiental

Publicado

em

Apenas a pesca profissional, pesca de subsistência e pesca artesanal estão permitidas

Para orientar o setor pesqueiro, clientes e alunos do ramo, quanto às recomendações, proibições e fiscalização da atividade, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam) alerta que a pesca esportiva é um dos segmentos proibidos durante este período de pandemia do novo coronavírus no estado.

Decreto nº 25.138 de 15 de junho de 2020, determinando o distanciamento social controlado para prevenção à Covid-19, especifica os critérios para organizar a realidade instalada atualmente em Rondônia, sendo considerada a reabertura do comércio e liberação de determinadas atividades.

Segundo o coordenador de Proteção Ambiental da Sedam, Marcos de Souza Trindade, a pesca esportiva, praticada de maneira recreativa e amadora, está totalmente proibida.

“A permissão neste período é apenas para a pesca profissional, pesca para a subsistência e pesca artesanal (segmento da agricultura familiar), desde que se respeitem as recomendações”, declarou.

FISCALIZAÇÃO

Trindade adverte que, como a pesca de lazer está proibida conforme a legislação vigente, a fiscalização é feita via fluvial em conjunto com o Batalhão de Polícia Ambiental. “São eles que tomarão as medidas cabíveis, lavrando Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), notificando o cidadão infrator e conduzindo os responsáveis pela infração para que se retirem do rio ou local onde o ato esteja sendo praticado”.

A medida pode ser conferida no novo decreto de 15 de junho, em sua página 2, que acrescenta a alínea “c” ao inciso II do artigo 3º do Decreto 24.049/2020, proibindo a pesca esportiva.

Fonte
Texto: Vanessa Farias
Fotos: Giliane Perin
Secom – Governo de Rondônia

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Esportes

Anvisa paralisa jogo entre Brasil e Argentina em São Paulo

Publicado

em

Jogo Brasil e Argentina. Foto: Reprodução

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) paralisou, na tarde deste domingo (5), o jogo entre as seleções de Brasil e Argentina, válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. A decisão das autoridades foi tomada após quatro atletas argentinos entrarem em campo, mesmo com a determinação da agência de que teriam de cumprir isolamento no hotel.

Sem citar os nomes dos jogadores, a agência informou que os atletas teriam descumprido as regras sanitárias brasileiras segundo as quais “viajantes estrangeiros que tenham passagem, nos últimos 14 dias, pelo Reino Unido, África do Sul, Irlanda do Norte e Índia, estão impedidos de ingressar no Brasil”. Diante da situação, há possibilidades de os jogadores serem deportados do País.

A Anvisa informou ainda que considera a situação “risco sanitário grave”, motivo pelo qual orientou as autoridades em saúde locais “a determinarem a imediata quarentena dos jogadores, que estão impedidos de participar de qualquer atividade e devem ser impedidos de permanecer em território brasileiro”.

O jogo teve início às 16h, na Neo Química Arena, em São Paulo, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Já a confusão começou aos seis minutos de bola rolando, quando os agentes da Anvisa interromperam a partida e entraram em campo. Como a seleção argentina se negou a jogar sem os quatro atletas, o jogo foi cancelado e será papel da Fifa resolver a questão esportiva. A questão sanitária e todos os desdobramentos, continuam a cargo da Anvisa.

Reportagem, Rafaela Gonçalves

Fonte: Brasil 61

Continue lendo

Esportes

Municípios devem confirmar participação nos Jogos Intermunicipais de Rondônia

Publicado

em

Última edição dos Jogos foi realizada em Cacoal; este ano, as disputas serão em Vilhena

Os 52 municípios rondonienses têm até o próximo dia 31 de agosto para manifestarem interesse em participar da XIV edição dos Jogos Intermunicipais de Rondônia (JIR 2021), organizado pelo Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel). O Termo de Adesão de participação foi enviado para todas as prefeituras no último dia 3 de agosto. A confirmação deve ser feita através de envio do documento para a Coordenação de Esporte e Lazer (CEL), pelo e-mail: jirrondonia@gmail.com, indicando os dados do chefe de delegação e as modalidades das quais deseja participar.

Os Jogos Intermunicipais de Rondônia irão ser realizados no período de 12 a 21 de novembro, em Vilhena, reunindo atletas de todo o Estado na disputa em 14 modalidades, sendo elas: atletismo, basquetebol, capoeira, ciclismo, futebol soccer society, futsal, handebol, judô, karatê, taekwondo, tênis de mesa, voleibol, vôlei de praia e xadrez.

Após confirmar a participação, os municípios poderão inscrever seus atletas de maneira on-line, no período do dia 1º de setembro a 10 de outubro. Segundo o superintendente Jobson Bandeira, o JIR é o maior evento esportivo para Rondônia e a expectativa para o início dos Jogos é muito boa.

“Os atletas do Estado estavam precisando de uma oportunidade para apresentar um pouco desse trabalho, tendo em vista a não realização do JIR-2020 por conta da pandemia. Em 2019 foram feitas varias adequações e agora estamos com uma expectativa gigantesca para fazer de forma presencial o JIR-2021, e assim estamos muito alegres, não só pela realização do evento e sim por está estarmos vencendo o coronavírus, mostrando que o nosso governo tem trabalhado incessante para proteger a nossa população, mas sabemos que precisamos fazer as ações acontecerem, respeitando das recomendações da OMS”, disse o superintendente.

A Sejucel prevê a participação de maioria dos municípios, conforme ranking feito pela Coordenadoria de Esporte e Lazer, reunindo atletas de todo o Estado na disputa, considerando o mês de novembro o mais oportuno em todos os aspectos para sua realização do evento.


Fonte
Texto: Hermes Rafael
Fotos: Leandro Morais
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Alta Floresta

Atletas da Escolinha Alfa se destacam em competição nacional

Publicado

em

A Escola de Futebol Saint German do município de Ji-Paraná, conquistou no último final semana dois títulos de Campeão na Rio das Ostras Soccer Cup, pelas categorias sub-11 e sub-15. A competição já é tradicional e reúne olheiros de grandes clubes do Brasil, e aconteceu na cidade Rio das Ostras, no Rio de Janeiro.A Escolinha ALFA, do município de Alta Floresta D’Oeste, teve cinco atletas representante na competição, sendo que os atletas Kauã e Michael (2006) estão morando em São Paulo, onde atuam pelo clube de base União, de São José de Araras.

Eduardo Rack, Cauã Barbosa e Júlio Cezar (ambos 2008) defenderam a categoria sub-13.Os clubes Corinthians e Internacional mostraram interesse em fazer avaliação de dois atletas da base ALFA.

Após a competição, a Escola de Futebol Saint Germain realizou amistoso de avaliação dos atletas contra Fluminense. INFORMATIVO – A Escolinha ALFA está com os treinamentos parados desde novembro de 2019 em virtude da pandemia, mas se organiza para retorno no mês de agosto, aguardado retorno do professor Maurício Almeida.

Escolinha ALFA agradece aos pais e Escola Saint Germain pela oportunidade dos atletas, atuando e representando Estado de Rondônia nas competições de nível nacional.

FONTE: Assessoria

Continue lendo
--Publicidade--

Ultimas Notícias

--Publicidade--

Publicidades

Agronegócio

Policial

Internacional

Tendências

%d blogueiros gostam disto: