conecte-se conosco

Policial

Homem armado reage a assalto em ônibus e mata três bandidos

Publicado

em

De acordo com PRF, um passageiro, de 47 anos, que portava uma pistola calibre .38, reagiu e disparou contra os assaltantes (Crédito: Reprodução/ RPC)

Três suspeitos morreram e uma passageira ficou ferida durante um assalto a um ônibus na madrugada desta quarta-feira (12) na BR-116 em Campina Grande do Sul, no Paraná. O ônibus saiu de São Paulo e tinha como destino a cidade de Brusque, em Santa Catarina. As informações são do portal NSC Total.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo foi abordado por um Golf branco por volta das 2h. Dois homens renderam o motorista e outros dois acessaram o andar superior do ônibus e iniciaram o assalto.

De acordo com PRF, um passageiro, de 47 anos, que portava uma pistola calibre .38, reagiu e disparou contra os assaltantes. Dois foram atingidos e morreram. Um terceiro pulou da janela do ônibus e morreu atropelado por carros que passavam pela rodovia. Um quarto suspeito conseguiu fugir.

Durante a troca de tiros, uma mulher de 62 anos foi atingida no rosto de raspão, ela foi levada para Hospital Evangélico, em Curitiba. O passageiro que reagiu ao assalto tem registro válido da arma e possui porte de arma de fogo regular.

Após o ocorrido, a empresa de transporte providenciou outro ônibus para os passageiros seguirem viagem. O caso será investigado pela Polícia Civil de Campina Grande do Sul.

Fonte:Isto é

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe seu comentário

Policial

Agricultor morre ao ter cabeça dilacerada por tiro efetuado por assaltantes, em RO

Publicado

em

Por

Crime aconteceu na zona rural de Monte Negro. Perto do corpo foi achado uma cápsula de calibre 16.

Um agricultor de 37 anos morreu depois de ter a cabeça dilacerada por um tiro, na noite de quarta-feira (18), durante um assalto na residência da família em Monte Negro (RO). A vítima do latrocínio foi identificada como Leomar Soares. Os bandidos que efetuaram o disparo não foram localizados.

Aos policiais militares, a esposa do agricultor contou que o crime aconteceu enquanto a família chegava na propriedade em um carro. Quando a mulher desembarcou do veículo para fechar a porteira, os bandidos se aproximaram e renderam Leomar.

Segundo a Polícia Militar (PM), durante o roubo os criminosos exigiam dinheiro e mandaram os moradores entrarem na residência. A mulher ficou com a criança de colo, juntamente com outra filha, de 9 anos, enquanto o esposo permaneceu do lado externo da casa.

Neste momento os bandidos atiraram em Leomar e a mulher correu para fora da casa na tentativa de socorrer o marido, mas ele já estava morto.

Os assaltantes então fugiram de moto e levaram alguns objetos da casa, como celular e cerca de R$ 40 em dinheiro.

Cápsula foi achada perto do corpo do agricultor — Foto: WhatsApp/Reprodução
Cápsula foi achada perto do corpo do agricultor — Foto: WhatsApp/Reprodução

A polícia foi chamada à propriedade e, próximo ao corpo da vítima, foi encontrado uma cápsula de calibre 16. Segundo a PM, o tiro na cabeça da vítima resultou na dilaceração do crânio. Aos policiais, a esposa do agricultor relatou que na quarta-feira vendeu uma carga de gado no valor de R$ 13 mil.

Segundo a PM, foram realizadas buscas pelos suspeitos do latrocínio, mas ninguém foi identificado ou preso até esta quinta-feira (19).

Fonte: G1/RO

Continue lendo

Policial

Senador Cid Gomes tenta entrar em batalhão da polícia com retroescavadeira e é baleado

Publicado

em

Por

Cid Gomes é baleado com tiro de bala de borracha em Sobral — Foto: Reprodução

O senador Cid Gomes (PDT-CE) foi baleado com um tiro de bala de borracha na tarde desta quarta-feira (19) em meio a um protesto de policiais que reivindicam aumento salarial. O senador pilotava uma retroescavadeira e tentava furar um bloqueio feitos por policiais militares no Centro de Sobral.

Durante a confusão, tiros foram disparados na direção de Cid Gomes, que quebram os vidros do veículo utilizado pelo senador. Conforme a assessora do político, ele foi baleado no peito e foi encaminhado ao Hospital do Coração de Sobral.

Cid Gomes, que está licenciado, organizava um protesto contra um grupo de policiais que tenta impedir o trabalho da Polícia Militar. Nesta quarta-feira, policiais secaram pneus de carros da polícia para impedir que os agentes de segurança atuem na ruas.

Ainda na tarde desta quarta-feira, policiais de Sobral ordenaram que comerciantes fechassem as portas do Centro da cidade.

Resumo:

  • Em 5 de dezembro, policiais e bombeiros militares organizaram um ato reivindicando melhoria salarial. Por lei, policiais militares são proibidos de fazer greve.
  • Em 31 de janeiro, o governo anunciou um pacote de reajuste para soldados.
  • Em 6 de fevereiro, data em que a proposta seria levada à Assembleia Legislativa do estado, policiais e bombeiros promoveram uma manifestação pedindo aumento superior ao sugerido.
  • Em 13 de fevereiro, o governo elevou a proposta de reajuste e anunciou acordo com os agentes de segurança. Um grupo dissidente, no entanto, ficou insatisfeito com o pacote oferecido.
  • Em 14 de fevereiro, o Ministério Público do Ceará (MPCE) recomendou ao comando da Polícia Militar do Ceará que impedisse agentes de promover manifestações.
  • Em 17 de fevereiro, a Justiça manteve a decisão sobre possibilidade de prisão de policiais em caso de manifestações.
  • Em 18 de fevereiro, três policiais foram presos em Fortaleza por cercar um veículo da PM e esvaziar os pneus. À noite, homens murcharam pneus de veículos de um batalhão na Região Metropolitana.
  • Em 19 de fevereiro, batalhões da Polícia Militar do Ceará foram atacados por grupos de pessoas encapuzadas e mascaradas. Em Sobral, homens encapuzados em carro da PM ordenaram que comerciantes fechassem as portas.

Invasão de batalhões policiais

Um grupo de policiais que reivindica aumento salarial e é contrário à proposta do governo de reestruturação da carreira da categoria realiza desde terça-feira (19) atos que a Secretaria da Segurança considera “vandalismo” e “motim”.

Fonte: G1

Continue lendo

Policial

Polícia recebe denúncia e localiza corpos de casal que estava desaparecido

Publicado

em

Por

Casal estava desaparecido há seis dias

Extrema – No início da madrugada desta segunda-feira (17), a Polícia Militar foi acionada para averiguar uma ocorrência de um duplo homicídio. Foram localizados os corpos do casal Bruno Lima de Oliveira e Quele Patrícia Silvia Gomes, próximo da primeira Ponte na Linha 02, em Extrema, distrito de Porto Velho. O casal já estava desaparecido há seis dias.

Na semana passada, foi encontrada a motocicleta de Bruno jogada dentro do rio da Linha 2, bem nas proximidades de onde foram localizados os corpos nesta segunda.

A PM isolou o local e solicitou a equipe da perícia criminal para fazer os trabalhos necessários.

Devido ao adiantado estado de decomposição dos corpos não foi possível saber, no local, a causa da morte. Exames mais detalhados serão feitos no Instituto Médico Legal, para os corpos foram levados. A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte:Tudo Rondônia

Continue lendo

Publicidades

Tendências

%d blogueiros gostam disto: