Conecte-se conosco

Entretenimento

Luciano Hang oferece R$ 100 mil por autor de incêndio a estátua da Havan

Publicado

em

O dono da rede de lojas Havan, Luciano Hang, oferece recompensa de R$ 100 mil a quem fornecer informações sobre quem provocou incêndio que queimou uma réplica da Estátua da Liberdade da loja Havan em São Carlos, interior de São Paulo em 31 de dezembro de 2019.

O empresário publicou vídeo em suas redes sociais nesta 6ª feira (10.jan.2020) em que aparece vestido de ‘xerife do velho oeste’.

Segundo Luciano Hang, laudo da polícia apontou que o incêndio foi criminoso. O fogo teria sido provocado por meio de gasolina, o que, para ele, foi 1 “ataque terrorista”.

“É isso mesmo. Como se fazia no velho oeste para pegar o bandido, o xerife dava a recompensa. Imagine só, R$ 100 mil para quem nos der informações que nos leve a pegar os bandidos que colocaram fogo na Estátua da Liberdade de São Carlos, no interior de São Paulo. Está comprovado pelo laudo da polícia que foi 1 incêndio criminoso e colocaram gasolina”, disse no vídeo. “Saque sua arma e ligue já”, completa no final.

Fonte: Msn

Assista ao vídeo (1min36seg):

Reprodutor de vídeo de: YouTube (Política de Privacidade)

No vídeo, o empresário pede que as pessoas liguem somente se tiverem, de fato, informações concretas. O número indicado é: 0800 765 557.

“Não vamos nos calar diante deste ataque. Conto com vocês para solucionarmos esse caso”, disse Luciano Hang nas redes sociais.

© Fornecido por Poder360

Assista abaixo a 1 vídeo que mostra a estátua em chamas:

Reprodutor de vídeo de: YouTube

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Entretenimento

6 sinais de traição online: Aprenda a identificar as pistas de que está sendo traído virtualmente

Publicado

em

Por

Em uma reviravolta irônica, a tecnologia – destinada a nos manter mais conectados – tornou nossos relacionamentos amorosos mais complicados do que nunca. Traições online – ter casos virtuais que incluem sexo, trocas atrevidas de fotos ou e-mails e flertes nas redes sociais sem necessariamente passar para um caso físico – é outra maneira de os parceiros se traírem.

Então, agora, você provavelmente está se perguntando se seu parceiro pode se envolver em um caso online (ou mais de um). Aqui está uma lista de sinais de alerta que podem indicar que o seu parceiro está cruzando a linha e cometendo traição online.

Muitos infiéis se asseguram que não vão ser abandonados pelos seus parceiros por conta do suporte financeiro que oferecem: “mesmo que ela/ele descubra, duvido que renuncie ao meu patrocínio financeiro”. Se você tem dúvidas e não quer aceitar isso, observe os sinais a seguir:

1. Dispositivos digitais protegidos por senha

Alguém que tenha relações online ou procure alguém por sexo cibernético manterá o e-mail e os telefones celulares protegidos com senhas e números de identificação pessoal. Você, mesmo como parceiro, não terá acesso a essas senhas. Ele ou ela também podem ser sigilosos quando estão online, alternando rapidamente as páginas da Web ou fechando o email assim que outra pessoa entra na sala. Se o seu parceiro mantiver em segredo a atividade online ou o telefone celular, ele poderá estar tendo um caso virtual.

2. Contas secretas de mídia social

Se você não é amigo do seu parceiro no Facebook ou no Twitter, ele pode estar escondendo algo de você. Se você é amigo, conhece todos os contatos de seu parceiro? Mesmo que você não os conheça pessoalmente, você sabe como seu parceiro os conhece? Descobrir as pessoas nas várias redes sociais do seu parceiro e como ele usa sites de redes sociais nunca é uma má ideia. E seu parceiro deve saber o mesmo sobre você.

3. Obsessão em responder a contatos online

A obsessão em responder imediatamente a mensagens de texto, e-mails e mensagens do Facebook ou Twitter é outro sinal de que algo suspeito está acontecendo. No entanto, este sinal de aviso deve ser considerado, entre outros. Na verdade, muitos de nós são viciados em nossos telefones e computadores, e alguns estão usando-os mais para o trabalho e menos para o prazer ou de maneiras inocentes (para obter nossas receitas favoritas, conversar com nossa família e amigos – não com benefícios) – e fique de olho nos eventos atuais).

4. Deixando uma trilha de papel (ou digital)

Veja as suas contas mensais de telefone celular e o histórico do navegador no seu computador. Esses sinais indicam se seu parceiro está envolvido em traição online ou pornografia na Internet. Você pode ver se está gastando mais em mensagens de texto e se há números estrangeiros na fatura. O histórico da Internet pode dizer algo sobre as páginas que seu parceiro – e qualquer outra pessoa que tenha usado o computador – esteve visitando.

5. Comportamento estranho

Um sinal revelador de um caso é uma mudança no comportamento do seu parceiro. Um parceiro que é repentinamente mais gentil ou mais malvado pode estar compensando um caso. Alguém pode ser super doce por culpa ou super malvado na esperança de justificar seu comportamento.

6. Vida dupla

Descobrir identidades duplas online – endereços de e-mail secretos ou páginas de redes sociais ou toda uma outra identidade em um mundo virtual – é uma traição por si só. É uma questão que precisa ser abordada tanto como parte de uma conversa mais ampla sobre traições online quanto como uma conversa separada sobre o que é preciso divulgar.

Fonte: RK

Continue lendo

Entretenimento

Renato Aragão deixa a Globo após 44 anos: “Nova etapa, não paro nunca”

Publicado

em

Por

Como tem feito com outros profissionais veteranos ligados ao entretenimento, a Globo comunicou a Renato Aragão que não vai renovar o seu..

Foto: Divulgação

Como tem feito com outros profissionais veteranos ligados ao entretenimento, a Globo comunicou a Renato Aragão que não vai renovar o seu contrato, que se encerra nesta terça-feira (30). O criador de Didi Mocó esteve ligado à emissora por 44 anos.

Em conversa com o UOL, o ator e humorista de 85 anos reiterou a disposição de seguir em frente: “Para mim, ampliou meus projetos. Você não sabe como eu estou gostando. É uma nova etapa. Não paro nunca, sempre trabalhando. Eu me considero meio máquina, meio humano”, diz.

Sobre a longa trajetória na Globo, Renato observa: “Muita alegria”. E elenca: “Primeiro, Os Trapalhões. São 20 anos de sucesso contínuo. Criei o Criança Esperança, que também foi uma maravilha. Depois a Turma do Didi. Fiz muita coisa, tive muita alegria na TV Globo, não tenho nada de ruim para falar. Estou muito feliz com ela”.

E acrescenta: “Nós chegamos a um acordo. Contrato é uma coisa simbólica. Continuo trabalhando na Rede Globo por projetos pontuais e faço projetos em outras plataformas. É a oportunidade de fazer também em outro lugar”, diz ele.

O humorista não revela com quem está conversando. “Não posso falar porque são coisas em negociação”. Mas especula-se que há projetos sendo discutidos na Netflix e na Amazon.

À frente dos Trapalhões, Renato Aragão estreou na Globo em 1977, após três anos (1974-76) na Tupi. Exibido aos domingos, antes do “Fantástico”, o humorístico ficou no ar até agosto de 1995. As mortes de Zacarias (1934-1990) e Mussum (1941-1994) levaram ao fim do programa.

Em 1998, Renato estreou outro dominical, “A Turma do Didi”, exibido até 2010. Também gravou inúmeros especiais neste longo período na emissora carioca, além de ter sido por muito tempo a cara da Globo na campanha Criança Esperança.

O último trabalho na emissora ocorreu em 2017. A Globo ensaiou uma volta dos Trapalhões, num formato híbrido, que não funcionou bem. Didi e Dedé Santana interagiam com um quarteto formado por Didico (Lucas Veloso), Dedeco (Bruno Gissoni), Mussa (Mumuzinho) e Zaca (Gui Santana), sobrinhos dos personagens originais. A experiência rendeu apenas uma temporada, de dez episódios.

Em paralelo à atividade na televisão, Renato já protagonizou 42 filmes, realizados entre 1965 e 2017. O último foi “Os Saltimbancos Trapalhões: Rumo a Hollywood”. Um novo projeto, com a Globo Filmes, foi adiado, segundo ele próprio informou em abril .

Sintonizado com as novas mídias, Renato abriu uma conta no Instagram, que hoje tem 3,5 milhões de seguidores. E esta semana comemorou 1 milhão de seguidores no TikTok, a rede social do momento. “É uma brincadeira séria”, diz.

“Não paro de trabalhar”, repete Renato. “Tenho muitas ideias acumuladas. Está tudo na fila. Didi tem projetos de filmes e seriados. Muita coisa boa para lançar daqui a pouco”.

A situação de Renato é semelhante a que enfrentaram nos últimos meses Aguinaldo Silva, Miguel Falabella, Zeca Camargo, Vera Fischer e José de Abreu, entre outros. A Globo não renovou os contratos destes profissionais, argumentando estar implantando um novo modelo de “gestão de talentos”.

Cortando custos, a emissora deixa aberta a possibilidade de voltar a contratar estes profissionais experientes por obra, para a realização de trabalhos específicos.

Em nota postada no Instagram nesta manhã, Renato Aragão comentou a sua nova situação:

“São 44 anos de estrada e me vejo diante há uma mudança! São novos tempos, novos parceiros, novos projetos e novos desafios. Minha grande parceira durante esses anos foi a Rede Globo, que me acostumei a chamar de minha casa. Mas diante a novos tempos e políticas internas de contratação, vamos iniciar uma nova fase e trabalhos pontuais. Tenho em minha vida pessoal e profissional a fluidez e o equilíbrio, vou onde meu público espera que eu esteja e melhor ainda, onde não esperam, pois sempre gostei e gosto de surpreendê-los, e não será diferente nessa nova fase! Já estou com novas oportunidades de trabalho e novos tempos que estão prestes a iniciar.” (UOL)

Continue lendo

Destaques

Homenagem aos 38 anos de Alta Floresta D´Oeste Ro – Parabéns

Publicado

em

Por

Nossa homenagem é fruto de muita gratidão e amor por esta terra abençoada que acolheu as nossas famílias, como a tantos outros destemidos pioneiros. Este lugar encantado continua a nos encher de orgulho… Belas imagens que tenho feito de suas riquezas naturais e contar um pouco de sua história e a de seu povo são nossas formas de homenagear nossa Alta Floresta D’Oeste neste aniversário.

Veja o Vídeo

Vídeo Renata Silva
HISTÓRIA

O escritor O vídeo Amélio, em seu o site Museu Virtual de Rondônia, faz um retrato histórico do nosso município, que trago aqui.

No dia 17 de junho de 1982 foi lançada a pedra fundamental, dando início à formação do município de Alta Floresta d’Oeste, criado, oficialmente, no dia 20 de maio de 1986, pela Lei estadual n° 104.

O nome do município tem origem na região em que se situa, com matas altas e fechadas e por estar no alto da chapada dos Parecis.

Alta Floresta D’Oeste tem uma biodiversidade riquíssima, terras férteis e solo rico em diversos minerais. Seu relevo e vegetação são diferenciados, e a destacam do restante dos municípios do estado, oferecendo muitas atrações naturais.

Em seu território é possível encontrar floresta Amazônica, cerrado, campo, pântano e montanhas. A altitude de cerca de 300 metros na cidade, alcança mais de 500 metros em outras regiões do município. Tudo isso entremeado por muita água, em rios belíssimos com grande diversidade de peixes e cachoeiras, muitas cachoeiras!

O povo? Mais diversificado não há! São indígenas, quilombolas, paranaenses, mineiros, capixabas, gaúchos, paulistas, catarinenses, nordestinos e a mistura disso tudo oferece uma cultura rica e um povo muito acolhedor e destemido.

VAMOS AOS PIONEIROS

A origem do município foi consequência do avanço da frente migratória rumo ao oeste em demanda ao Vale do Guaporé. Em 1981, Isidoro Stedille, acompanhado por José Piovesan, Moises Nunes e pelos irmãos Arlindo Farias, Deoclecio Farias e Felicíssimo Farias deram início à formação do município. Logo em seguida, as famílias de Francisco Marques Pelizário, Orlando Zandonadi, Antônio Francisco Roque, família Sartori e família possa, também fixaram residências.

Liderado por Isidoro Stedille, iniciou-se, no ano de 1981, as negociações com Jorge Teixeira de Oliveira, governador do Estado de Rondônia, e com Galvão Modesto, coordenador do INCRA, para a autorização da formação do povoado. Com um ano do início de sua formação, em Alta Floresta já havia mais de mil casas.

O pequeno núcleo populacional evoluiu rapidamente transformando-se em importante pólo agrícola e comercial e exigindo uma organização político-administrativa, sendo atendida com a elevação da região à categoria de município, em 1986.

PÓLO AGROPECUÁRIO

Hoje, Alta Floresta D’Oeste, encontra-se em amplo desenvolvimento agropecuário. É pólo pecuário, com um dos maiores rebanhos do estado. Pólo cafeeiro e também tem destaque com suas agroindústrias.

BIODIVERSIDADE E TURISMO

Com atrativos naturais reconhecidos internacionalmente, como o Vale do Guaporé, suas belezas e riquezas em flora e fauna, atrai turistas, que buscam interação com a natureza e atividades como pesca esportiva e camping.

Cercada pela biodiversidade do Vale do Guaporé, o município de Alta Floresta D’Oeste, conta com inúmeras aldeias indígenas nas áreas de reserva da Terra Indígena Rio Branco e Terra Indígena Massaco. Esta última, destaca-se por ser a primeira reserva nacional a ser demarcada, sem haver contato com os indígenas que ali se encontram.

– Área: 7.067 km²

– População: 25.578 (IBGE 2015)

– Distância até a capital: 530 km

Conheça o Vale do Guaporé:

Fontes:
– IBGE
– Wikipedia

Reportagem: Renata Silva

Fonte: Florestanoticias.com

Continue lendo

Publicidade

--Publicidade--
--Publicidade--

Publicidades

--Publicidade--
--Publicidade--

Tendências

%d blogueiros gostam disto: