Conecte-se conosco

Destaques

Aneel a regra para leitura; consumidor agora é quem vai informar concessionária

Publicado

em

Alterada pela Aneel a regra para leitura de medidor de energia; consumidor agora é quem vai informar concessionária

Foto: Divulgação

A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (10), a norma que aprimora as condições para medição e leitura do consumo de energia. O novo regulamento, que estava em discussão há dois anos, busca flexibilizar atualizar as regras considerando os recursos tecnológicos disponíveis.

Os diretores da Aneel destacaram como grande avanço as medidas na nova norma que visam a igualar os requisitos e regras de medição aplicáveis aos mercados livre e cativo, de modo a facilitar a migração do consumidor de um regime a outro. Uma delas é o faturamento dos consumidores de média e alta tensão (Grupo A) considerando o mês civil, mesmo recorte temporal adotado para consumidores no mercado livre.

Sobre à leitura dos medidores, uma das principais novidades é a ampliação da permissão de autoleitura do medidor de energia, ou seja, da leitura do consumo mensal de energia pelo próprio consumidor – que passa a informar diretamente à distribuidora, dispensando a visita de um leiturista. Até o momento, essa possibilidade era aceita apenas para consumidores da área rural. Conforme verificado em um projeto piloto conduzido pela distribuidora ENEL São Paulo, recursos hoje populares como smartphones, atendimento telefônico informatizado e SMS permitem que a distribuidora ofereça essa solução aos consumidores de baixa tensão quando for verificada a necessidade. A regulamentação responsabilizará a distribuidora por eventuais erros advindos da autoleitura e, em caso de faturamento a menor, a recuperação de valores contemplará apenas os três ciclos anteriores à cobrança.

As regras para que a distribuidora alegue impedimento de acesso ao medidor e fature o consumidor pela média de consumo também mudam com a nova norma. A distribuidora agora será obrigada a comprovar a visita do leiturista e a restrição de acesso, e também deverá oferecer alternativas ao consumidor para o faturamento, como a autoleitura e a instalação de medidor com acesso remoto, considerando sua realidade operacional e as condições da localidade da unidade consumidora. A regulamentação aprovada também apresenta medidas para reduzir o faturamento pelo custo de disponibilidade (um dos motivos para o impedimento de acesso pelo consumidor) e limitar o período de refaturamento.

Consumidores com faturas de baixo valor podem passar a receber a fatura de energia com menos frequência, acumulando por até três meses a cobrança da distribuidora. Para o consumidor, uma vantagem é reduzir a frequência de deslocamento para o pagamento da fatura. Para as distribuidoras, é esperada uma redução nos custos de arrecadação.

Fonte: ASSESSORIA

Clique para comentar

Deixe seu comentário

Coronavirus

Alta Floresta sobe mais 20 casos de covid-19 e chega a 80 em tratamento, confira o boletim

Publicado

em

Por

A Secretaria Municipal de Saúde (SEMSAU) divulgou o boletim referente a esta segunda-feira (03), onde contabiliza também os casos de sábado, já que no domingo a unidade de sentinela não funcionou. Mais 20 casos foram confirmados do COVID-19.

Veja os números:
Notificados até o momento: 1211
Casos confirmados: 345
Casos curados: 262
Casos em tratamento: 80
Suspeitos: 39
Descartados: 827
Suspeitos internados: 02
Confirmados internados: 08
Hospitalar: 05
Em UTI: 03

Fonte: Decom

Continue lendo

Coronavirus

40.016 casos de Covid-19 em Rondônia e 32.157 recuperados confira a edição 138

Publicado

em

Por

Foram confirmados 40.016 casos de Covid-19 em Rondônia, 22.381 em Porto Velho

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga os dados referentes ao coronavírus (Covid-19) no Estado.

Na segunda-feira (3) foram consolidados os seguintes resultados para Covid-19 em Rondônia:

Casos confirmados – 40.016
Pacientes recuperados – 32.157
Casos ativos – 6.971
Óbitos – 888
Pacientes internados na Rede Estadual de Saúde – 271
Pacientes internados na Rede Privada – 80
Pacientes internados na Rede Municipal de Saúde – 48
Total de pacientes internados – 399
Testes Realizados – 127.521
Aguardando resultados do Lacen – 1.026

No Estado, os números de casos confirmados, recuperados e de óbitos, desde o primeiro registro em 20 de março até hoje (3 de agosto), por Covid-19 são:

TOTAL DE CASOS EM RONDÔNIA – 03/08/2020
MUNICÍPIOS CASOS CONFIRMADOS RECUPERADOS ÓBITOS
Porto Velho 22.381 18.380 566
Ariquemes 2.758 2.209 42
Guajará-Mirim 2.268 1.984 69
Vilhena 1.439 1037 22
Jaru 1.218 929 17
Ji-Paraná 1126 968 20
Candeias do Jamari 939 836 18
São Miguel do Guaporé 773 743 13
Rolim de Moura 840 544 12
Cacoal 788 588 12
Nova Mamoré 549 372 6
Pimenta Bueno 362 307 7
Ouro Preto do Oeste 385 243 14
Machadinho D’Oeste 411 218 4
Itapuã do Oeste 287 202 3
Alta Floresta D’Oeste 322 198 2
Buritis 271 238 4
Espigão D’Oeste 282 234 6
Cujubim 172 145 5
Alto Paraíso 170 145 4
Presidente Médici 204 128 3
Pimenteiras do Oeste 115 102 3
Monte Negro 119 88 2
Cerejeiras 114 90 5
São Francisco do Guaporé 91 85 2
Campo Novo de Rondônia 83 73 4
Alto Alegre dos Parecis 115 70 4
Seringueiras 79 70 0
Colorado do Oeste 80 69 0
Vale do Anari 77 67 1
Chupinguaia 168 41 1
Nova União 75 62 1
Nova Brasilândia D’Oeste 123 72 0
Theobroma 76 67 0
Mirante da Serra 67 57 2
Costa Marques 85 47 1
Rio Crespo 65 58 0
Santa Luzia D’Oeste 67 47 0
São Felipe D’Oeste 61 49 1
Governador Jorge Teixeira 49 46 0
Vale do Paraíso 51 30 1
Alvorada D’Oeste 56 32 3
Urupá 49 34 0
Cabixi 45 33 3
Novo Horizonte do Oeste 34 27 2
Castanheiras 32 21 0
Cacaulândia 35 25 0
Corumbiara 19 11 1
Parecis 11 9 1
Teixeirópolis 11 11 0
Primavera de Rondônia 10 10 0
Ministro Andreazza 9 6 1
Rondônia 40.016 32.157 888

ÚLTIMAS ATUALIZAÇÕES

Em Rondônia, nas últimas 24 horas, foram registrados os seguintes resultados para Covid-19:

24 HORAS
MUNICÍPIOS CASOS CONFIRMADOS ÓBITOS
Porto Velho 37 0
Ariquemes 46 1
Guajará-Mirim 1 1
Vilhena 1 0
Jaru 0 1
Ji-Paraná 0 0
Candeias do Jamari 0 0
São Miguel do Guaporé 0 0
Rolim de Moura 0 0
Cacoal 0 0
Nova Mamoré 0 0
Pimenta Bueno 0 0
Ouro Preto do Oeste 0 1
Machadinho D’Oeste 0 0
Itapuã do Oeste 0 0
Alta Floresta D’Oeste 0 0
Buritis 0 0
Espigão D’Oeste 0 0
Cujubim 0 0
Alto Paraíso 0 0
Presidente Médici 0 0
Pimenteiras do Oeste 0 0
Monte Negro 0 0
Cerejeiras 10 0
São Francisco do Guaporé 0 0
Campo Novo de Rondônia 0 0
Alto Alegre dos Parecis 7 0
Seringueiras 0 0
Colorado do Oeste 0 0
Vale do Anari 0 0
Chupinguaia 0 0
Nova União 1 0
Nova Brasilândia D’Oeste 18 0
Theobroma 0 0
Mirante da Serra 0 0
Costa Marques 0 0
Rio Crespo 0 0
Santa Luzia D’Oeste 1 0
São Felipe D’Oeste 0 0
Governador Jorge Teixeira 0 0
Vale do Paraíso 0 0
Alvorada D’Oeste 0 0
Urupá 1 0
Cabixi 0 0
Novo Horizonte do Oeste 0 0
Castanheiras 0 0
Cacaulândia 0 0
Corumbiara 0 0
Parecis 0 0
Teixeirópolis 0 0
Primavera de Rondônia 0 0
Ministro Andreazza 0 0
Rondônia 123 4

Hoje (3) foram registrados quatro óbitos por Covid-19 em Rondônia:  uma mulher de 76 anos em  Ariquemes, um homem de 64 anos em Guajará-Mirim, um homem de 52 anos em Ouro Preto do Oeste; e um homem de 72 anos em Jaru.

OBSERVAÇÕES

  1. Os dados diários podem sofrer alterações;
  2. Os casos e óbitos notificados/ocorridos após meio dia serão divulgados no boletim do dia seguinte.
  3. Os óbitos precisam ser investigados, ficando portanto, as informações, passíveis de alteração para mais ou para menos, bem como o provável local de infecção.

A Agevisa  reforça ainda que os dados são analisados diariamente pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (Cievs), que acompanha também a investigação epidemiológica feitas pelas equipes de saúde nos municípios para checagem de dados.

Para informações sobre internados por unidades de saúde e municípios, assim como os demais detalhes, acesse o Painel Interativo da Covid-19 em Rondônia, através do endereço: covid19.sesau.ro.gov.br.

Fonte
Texto: Secom
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Coronavirus

Covid-19: mais de 1,8 milhão de pessoas já foram curadas no Brasil

Publicado

em

Por

Levantamento feito pelo Ministério da Saúde mostra também que a doença está presente em quase 100% do território brasileiro

Mais de um milhão e oitocentas mil pessoas infectadas pelo novo coronavírus já foram curadas em todo o Brasil. O levantamento é do Ministério da Saúde, com dados coletados até domingo, dia 2 de agosto. No mundo todo, a estimativa é de que mais de 15 milhões tenham se recuperado da doença. 

Os dados mostram que a doença está presente em 98,2% dos municípios brasileiros. Contudo, mais da metade das cidades apresentam entre dois e 100 casos de covid-19. A pasta revela também que o número de pessoas curadas no Brasil é superior à quantidade de casos ativos (748.585), que são pacientes que estão em acompanhamento médico. 

Receitas de medicamentos sujeitos a prescrição e de uso contínuo passam a ter prazo indeterminado durante pandemia

Centros de Atendimento recebem casos suspeitos da Covid-19 e facilitam Atenção Primária

Até o momento, o ministério afirma ter repassado mais de R$ 62 bilhões a estados e municípios para o financiamento das ações e serviços públicos de saúde, sendo quase R$ 15 bilhões voltados exclusivamente para combate ao coronavírus. Além disso, milhões foram repassados para a compra de equipamentos de proteção individual (EPIs), medicamentos e testes para a doença. 

Até 25 de julho, segundo dados do governo federal, o Brasil ocupava a segunda posição mundial em relação ao número de casos, com mais de dois milhões e trezentos mil infectados, e ao registro de óbitos, com mais de 86 mil. 

Fonte: Brasil 61

Continue lendo
--Publicidade--
--Publicidade--

Publicidades

--Publicidade--
--Publicidade--

Tendências

Copyright © 2020 Portal de Notícias Floresta Notícias. Todos Direitos Reservados.

%d blogueiros gostam disto: