conecte-se conosco

Geral

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Publicado

em

O tratamento depende do tipo das manchas. É fundamental ir ao médico para ter o diagnóstico.

Imagem ilustrativa

As manchas vermelhas na pele em adultos podem estar relacionadas com doenças como zika, rubéola ou uma simples alergia. Assim, sempre que esse sintoma aparece, é fundamental ir ao médico para identificar a causa e iniciar o tratamento adequado, que pode incluir o uso de analgésicos, anti-inflamatórios ou até mesmo antibióticos.

A partir do tipo de manchas e dos outros sintomas, o profissional de saúde pode identificar a causa. Exames também podem ser solicitados para se chegar ao diagnóstico.

As principais causas de manchas vermelhas na pele são:

1. Alergia

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: de tamanho médio, podem ser vermelhas ou brancas, coçarem muito, e terem líquido por dentro. Geralmente, aparecem após o contato com plantas, pelos de animais ou ingestão de remédios, por exemplo. Também podem ser causadas por picada de inseto ou intoxicação alimentar.

Como tratar: os sintomas podem ser aliviados com remédios para alergia ou aplicação de cremes, receitados pelo dermatologista.

2. Micose

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: podem ser grandes e afetam uma região bem delimitada do corpo. Além disso, também pode haver formação de bolhas e descamação na área.

 
 3. Zika vírus

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: pintas avermelhadas suavemente elevadas que são acompanhadas de coceira. Geralmente, aparecem 3 dias após a picada do mosquito. As manchas da zika costumam surgir primeiro no rosto e, em poucas horas, se espalham pelo resto do corpo. O normal é que durem cerca de 5 dias.

Como tratar: repouso, hidratação e remédios prescritos pelo médico para aliviar os sintomas e o desconforto.

4. Eczema

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: provocam muita coceira e podem ficar inchadas. São mais frequentes em crianças e em profissionais da saúde que lavam as mãos com sabonetes antissépticos.

Como tratar: ingestão de remédios anti-alérgicos e aplicação de pomadas ou cremes corticoides prescritos pelo dermatologista.

5. Rubéola

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: são pequenas, ligeiramente elevadas e provocam coceira. Normalmente, começam no rosto e na parte de trás das orelhas e, em pouco tempo, se espalham pelo corpo. Duram cerca de 3 dias.

Como tratar: seguir o tratamento indicado pelo médico que pode ser feito com Paracetamol até que a doença esteja devidamente controlada.

6. Psoríase

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: apresentam centro branco com bordas vermelhas, secas, que descamam e causam coceira. São mais frequentes antes dos 30 anos e depois dos 50 anos. Não são contagiosas e estão relacionadas com fatores genéticos.

Como tratar: aplicação de cremes ou pomadas anti-inflamatórias orientadas pelo dermatologista, exposição solar e alterações na alimentação (evitar comidas gordurosas e produtos industrializados, e aumentar o consumo de alimentos ricos em ômega 3 e betacaroteno).

7. Lúpus

Manchas vermelhas na pele? Veja 7 doenças que podem causá-las

Como são as manchas: são manchas avermelhadas planas ou elevadas que podem aparecer em qualquer parte do corpo, sendo mais frequentes em mulheres.

Como tratar: remédios corticoides e imunossupressores orientados pelo médico.

Fonte: Tua Saúde

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe seu comentário

Destaques

Raio cai em prédio da Seduc e assusta comerciantes em Alta Floresta Ro

Publicado

em

Por

Na tarde desta segunda feira dia 20 de janeiro em alta floresta, um forte raio cai e danifica a coluna do prédio da Coordenadoria Regional de Educação -Seduc, e assusta comerciantes.

Com a queda do raio queimou vários equipamentos e computadores no centro de Alta Floresta.

Fonte: Florestanoticias.com

Continue lendo

Destaques

Veículos estacionados de forma irregular causam transtornos em Alta Floresta Ro

Publicado

em

Por

A falta de estacionamentos no entorno da Praça Castelo Branco, no centro de Alta Floresta D’Oeste nos dias e horários de movimentação nas agências bancárias, como as segundas e sextas-feiras, é uma realidade. Para muitos motoristas, está cada vez mais complicado encontrar uma vaga para os veículos.

Além da falta de espaço, um fator que vem contribuindo para a falta de estacionamento é a maneira com que alguns motoristas estacionam seus veículos.

É comum ver motocicletas estacionadas em locais reservados para automóveis, e veículos de grande porte ocupando duas vagas.
O problema atinge outros pontos da cidade ao longo da Avenida Brasil e Avenida Rondônia.

Nos pontos onde existem sinalização indicando quais veículos devem estacionar, é normal ver um veículo ocupando duas vagas.
Estacionar errado é infração média, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Além de multa, para quem for flagrado é aplicado mais quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

O Segundo Tenente Marcelo Lourenço, comandante da segunda da 2ª Companhia de Policiamento Ostensivo da Polícia Militar de Alta Floresta D’oeste, relatou que a Polícia Militar vem fiscalizando tal prática, notificando os motoristas que agem de forma irregular no trânsito.

Para amenizar situação, servidores da 17ª Ciretran realizam constantemente as chamadas blitz educativas. Os trabalhos visam contribuir por um trânsito mais seguro e organizado.

O Poder Executivo Municipal informou que aguarda a chegada de um recurso do Departamento de Trânsito de Rondônia, o Detran, para iniciar os trabalhos de sinalização de trânsito. Com o recapeamento de várias ruas e avenidas, a sinalização ficou comprometida.

O Executivo também pretende reforçar a sinalização dos estacionamentos e construir novos espaços para atender a demanda de veículos que circulam pelo centro da cidade.

Enquanto isto não acontece, o comandante da Polícia Militar passa algumas orientações a população para que os estacionamentos sejam utilizados de forma correta.

Fonte: Florestnaotícias.com

Continue lendo

Educação

Colégio Priscila em Rolim é transformado oficialmente em Colégio Militar pelo governo de Ro

Publicado

em

Por

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Priscila Rodrigues Chagas, em Rolim de Moura, foi transformada em colégio militar através de decreto assinado pelo vice-governador, José Jodan, nesta quinta-feira (16).

‘‘Essa escola faz parte de uma demanda da população e é projeto de governo para melhoria do ensino, pois, onde esse modelo é implantado, temos alunos com notas melhores e queda no índice de criminalidade’’, garante.

Com essa medida, a escola passa a ser a oitava unidade de colégio militar de Rondônia. A transformação da escola em unidade VIII do Colégio Tiradentes da Polícia Militar (CTPM) é considerada um grande avanço no eixo das ações estratégicas de educação. ‘‘É uma grande alegria assinar esse decreto da militarização da escola Priscila Rodrigues Chagas, em Rolim de Moura, e na medida do possível o governador coronel Marcos Rocha dará sequência a esta missão de criar novas unidades militares’’, disse Jodan.

O vice-governador, que está como governador em exercício, ainda agradeceu ao secretário chefe da Casa Civil, Júnior Gonçalves, o secretário da Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), José Hélio Cysneiros Pachá, e ao secretário de Estado da Educação (Seduc), Suamy Vivecananda, pelo esforço conjunto no avanço do desenvolvimento de Rondônia por meio do investimento em educação.

A Seduc e Sesdec proverá o colégio militar de recursos financeiros, patrimoniais e humanos, tanto o corpo docente quanto técnicos, auxiliares e demais profissionais. Assim também como serão transferidos recursos provenientes de programas federais destinados para colégios deste modelo de ensino.

Fonte: Secom – Governo de Rondônia

Continue lendo

Publicidades

Tendências

%d blogueiros gostam disto: