Home / Destaques / Governo de Rondônia busca parceria com Bancada Federal

Governo de Rondônia busca parceria com Bancada Federal

Governo de Rondônia busca parceria com Bancada Federal para atrair recursos para a construção do novo João Paulo II

“O governo de Rondônia não tem medido esforços pra tentar mudar o cenário do João Paulo II, contratando novos leitos em hospitais particulares, colocando em prática o plano de ação feito pela Consultoria do Hospital Sírio Libanês, mas são medidas paliativas, pois só com o novo hospital poderemos oferecer melhor suporte aos usuários do Sistema Único de Saúde. Peço aqui, diante de todos, que se sensibilizem e unam forças com o Governo do Estado pra construir o novo João Paulo II”. Estas foram as palavras do secretário estadual de Saúde de Rondônia, Fernando Máximo, durante sua fala na Câmara dos Deputados em Brasília, quando relatou a situação do Pronto Socorro João Paulo II, construído há mais de 35 anos, e que há décadas sofre com a alta demanda de pacientes.

O objetivo do secretário foi sensibilizar os representantes de Rondônia na Câmara Federal a enviarem emendas para a construção do novo João Paulo II, que já deveria ter sido construído há mais de 20 anos.

O secretário destacou entre as medidas positivas adotadas pela Sesau, o mutirão de cataratas que atende pacientes da região Madeira Mamoré (Porto Velho, Guajará-Mirim, Nova Mamoré, Candeias do Jamari e Itapuã D’Oeste), e as emendas dos deputados federais Jaqueline Cassol e Lúcio Mosquini para procedimentos de cataratas em Cacoal, Rolim, Jaru e Região.

Máximo ressaltou, ainda, a emenda da deputada Sílvia Cristina, que foi destinada para atender crianças que necessitam de cirurgia cardíaca; o deputado Léo Moraes destinou emendas para órteses e próteses para cirurgias ortopédicas do Hospital de Base; a deputada Jaquline Cassol destinou para reformas e órteses e próteses para hospitais de Cacoal.

A Bancada Federal se reúne semana que vem, internamente, para declarar os valores das emendas impositivas de bancada e individuais . Eles terão cerca de R$ 430 milhões, e o secretário pediu que parte seja destinada às maiores necessidades da saúde de Rondônia.

Participaram da reunião os deputados federais Silvia Cristina, Jaqueline Cassol, Lúcio Mosquini, Léo Moraes, Mauro Nazif e Cel. Chrisóstomo e o senador Marcos Rogério.

Fonte
Texto: Dislene Queiroz
Fotos: Ítalo Ricardo
Secom – Governo de Rondônia

Baixe e Instale em seu Celular

Sobre Rudinei

Verifique também

Alta Floresta – Motociclista se choca contra idoso de 82 anos que conduzia bicicleta

A Policia Militar registrou por volta de 19h30 minutos desta sexta feira (15), um acidente …

Deixe seu comentário